1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Migrantes rompem bloqueio para entrar na Macedônia

Apesar do reforço da vigilância, milhares de refugiados vindos da Grécia rompem barreiras policiais e entram no país. Situação deve se agravar com a chegada de número cada vez maior de pessoas ao local.

Milhares de migrantes romperam barreiras policiais na fronteira da Grécia com a Macedônia neste sábado (22/08), apesar das forças de segurança terem reforçado as barreiras ao longo da zona neutra entre os dois países. Pela segunda vez em dois dias, policiais atiraram bombas de efeito moral para tentar deter os migrantes, mas desta vez, sem sucesso.

Nos últimos dias, as tensões aumentaram na região com milhares de pessoas – a maioria refugiados da guerra na Síria – se concentrando no lado grego da fronteira. O objetivo é atravessar a Macedônia, a Sérvia e a Hungria, para chegarem ao norte da Europa. Segundo estimativas, cerca de 2 mil migrantes chegam diariamente à fronteira.

Neste sábado, mais de 800 migrantes em condições ditas "vulneráveis" – na maioria, mulheres e crianças – receberam permissão para atravessar a fronteira e chegar até a estação de trens da cidade de Gevgelija, na esperança de realizar uma viagem de 200 quilômetros até a fronteira com a Sérvia.

Entretanto, o tumulto gerado pela abertura acabou levando outros migrantes a romper o bloqueio. A polícia tentou impedir a passagem do grupo e algumas pessoas ficaram feridas.

Muitas pessoas haviam passado dias a céu aberto na zona neutra, com pouco ou nenhum acesso a água e alimentos, após a

Macedônia declarar estado de emergência no local e fechar a fronteira

na última quinta feira. A situação deverá se agravar ainda mais, em razão dos milhares de migrantes que chegam diariamente na Grécia através da Turquia.

RC/rtr/dpa/afp/ebc

Leia mais