1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Metzelder faz mea culpa pelo gol irlandês

Zagueiro de 21 anos da Seleção Alemã revê sua postura na disputa aérea que resultou no gol de empate da Irlanda. Posto de titular parece garantido.

default

Metzelder (esq.) ganha disputa de bola com Al Jaber Sami, da Arábia Saudita

Com apenas 21 anos, Christoph Metzelder é o mais jovem no escrete da Seleção Alemã no Japão. Com o corte de Wörns, tornou-se titular na zaga quase 24 horas antes de embarcar no avião que levou o time de Rudi Völler para a Copa do Mundo. Nem por isto foi poupado de críticas após o empate de 1 a 1 com a Irlanda.

Campeão alemão com o Borussia Dortmund, o zagueiro perdeu uma disputa de bola na boca da área. Quinn saltou mais alto e cabeceou para o meio. Keane chegou na corrida, recebeu a bola, escapou de uma tentativa de falta de Ramelow e bateu à queima-roupa sem chance para o goleiro Kahn. Marcado nos descontos, o gol representou um balde de água fria nos alemães que já contavam com a classificação antecipada para as oitavas-de-final.

Um dos pontos fracos da equipe, Metzelder não foge de sua responsabilidade no lance, mas defende-se: "Este é o destino de um zagueiro. Não tenho problemas com isso". Ao mesmo tempo, tenta tirar uma lição do episódio: "Com certeza eu podia ter entrado nele (Quinn) com maior determinação. Isto é o que me incomoda".

Apesar de poder servir de bode expiatório pelo gol irlandês e ter machucado o tornozelo, o que pode servir de pretexto para ser substituído, Metzelder não mostra preocupação em perder a vaga de titular. Segundo o auxiliar técnico Michael Skibbe, a contusão do zagueiro, que há dois anos ainda jogava na terceira divisão alemã, não será empecilho para sua escalação contra Camarões na terça-feira.

Leia mais

Links externos