1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Merkel e Obama concordam com nova ajuda financeira à Ucrânia

Líderes de EUA e Alemanha assinalam importância de novo pacote de ajuda financeira ao país. Grécia não dá aval a declaração da União Europeia sobre mais sanções à Rússia.

De acordo com informações da Casa Branca, a chanceler federal da Alemanha, Angela Merkel, e o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, concordaram durante um telefonema realizado nesta terça-feira (27/01) sobre a necessidade de um "robusto apoio financeiro" à Ucrânia.

No comunicado sobre o telefonema, a Casa Branca afirmou que o pacote de ajuda financeira vai possibilitar que o Estado ucraniano venha a "estabilizar as suas finanças" e que, através de reformas, o país conseguirá novamente chegar ao "crescimento e bem-estar social". Segundo a declaração, os novos empréstimos serão disponibilizados por meio do Fundo Monetário Internacional (FMI).

Lutas duradouras

As lutas violentas contra os separatistas pró-russos no leste da Ucrânia abalam o orçamento público do país. Na semana passada, a Ucrânia havia exigido do FMI um apoio financeiro mais amplo.

Na declaração, a Casa Branca informou que, no telefonema, Merkel e Obama demonstraram preocupação frente ao recente avanço da violência no leste ucraniano e ao apoio dos separatistas por parte de Moscou. Os dois líderes afirmaram ainda que o acordo de cessar-fogo firmado em Minsk deve ser respeitado.

Ainda na terça-feira, a União Europeia (UE) ameaçou a Rússia com novas sanções devido ao seu apoio aos separatistas na Ucrânia. O novo governo em Atenas, no entanto, distanciou-se da declaração dos demais chefes de Estado e governo da UE.

Segundo declaração divulgada na noite de terça-feira pelo gabinete do novo primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, o governo em Atenas não teria sido consultado e os responsáveis teriam contornado "o procedimento normal" nesses casos. Segundo ele, a Grécia não deu seu aval à declaração.

CA/afp/dpa

Leia mais