1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

América Latina

Mercosul expressa solidariedade e apoio à Argentina

Comunicado divulgado em reunião de cúpula em Caracas reitera apoio irrestrito ao país e lembra que os fundos que foram à Justiça são uma minoria diante dos que aceitaram a reestruturação.

Os países que integram o Mercosul demonstraram solidariedade e "apoio irrestrito" à posição da Argentina, que também é membro do bloco, diante das decisões judiciais favoráveis a um grupo minúsculo de detentores de títulos da dívida soberana que rejeitaram as condições aceitas pela maioria. Um comunicado foi divulgado ao final da reunião de cúpula do bloco nesta terça-feira (29/07), em Caracas.

Segundo os países-membros, não se pode falar em default [calote] quando um país solvente realiza seus pagamentos, mas os credores são impedidos de recebê-los.

O bloco também adverte que o processo de negociação entre governo argentino e os chamados fundos holdout deve se realizar em condições equilibradas e de boa fé, sendo essa a única maneira de se alcançar uma solução justa, equânime, legal e sustentável para a totalidade dos credores.

Os países-membros ainda reforçam que a Argentina quer pagar sua dívida com os credores que aceitaram a reestruturação e manifestaram a necessidade de que isso seja possível, lembrando que os pagamentos foram bloqueados por uma decisão judicial favorável aos holdouts.

Para o bloco, a forma de agir dos holdouts impede que credores e devedores cheguem a acordos definitivos, pondo em risco futuras reestruturações de dívida soberana e, assim, a estabilidade do sistema financeiro internacional.

AS/ots

Leia mais