1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Mercedes não vai renovar contrato de Michael Schumacher

Sucessor do piloto alemão na equipe será o britânico Lewis Hamilton. Não-renovação do contrato com a escuderia alemã deve significar o fim da carreira de Schumacher.

default

Michael Schumacher

O contrato do piloto Michael Schumacher com a equipe Mercedes não será mais renovado, informam diversos veículos da imprensa alemã nesta sexta-feira (28/9). O sucessor do heptacampeão mundial na equipe alemã será o britânico Lewis Hamilton, hoje na McLaren.

A não-renovação do contrato pode significar o fim da carreira do piloto alemão de 43 anos. A última corrida dele pela Mercedes será no dia 25 de novembro, em São Paulo. A empresária do piloto, Sabine Kehm, não quis comentar um possível recomeço em outra equipe.

A Mercedes havia anunciado o retorno de Schumacher à Fórmula 1 em 23 de dezembro de 2009, depois de uma pausa de três anos. De volta às pistas na temporada de 2010, o multicampeão não correspondeu às expectativas: o melhor lugar que conseguiu no pódio foi a terceira colocação em Valencia, em junho último, na Espanha .

Erros cometidos por Schumacher nos últimos tempos vinham sendo criticados pela imprensa especializada. O mais recente foi em Cingapura, quando bateu na traseira do Toro Rosso do francês Jean-Eric Vergne.

Segundo o jornal britânico Daily Mail, Hamilton assinará um contrato de três anos com a equipe alemã, no valor de 60 milhões de libras. O piloto de 27 anos foi campeão na temporada de 2008 e está desde 2007 na McLaren-Mercedes.

AS/dpa/sid
Revisão: Roselaine Wandscheer

Leia mais