Melania Trump é acusada de plagiar Michelle Obama em discurso | Notícias e análises internacionais mais importantes do dia | DW | 19.07.2016
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Melania Trump é acusada de plagiar Michelle Obama em discurso

Trechos da fala da esposa de Donald Trump aos delegados republicanos são semelhantes ao discurso da primeira-dama em 2008. Casa Branca não comenta acusação.

Assistir ao vídeo 02:02
Ao vivo agora
02:02 min

Melania Trump copiou o discurso de Michele Obama?

O discurso de Melania Trump, a esposa do pré-candidato republicano Donald Trump, foi a principal atração da primeira jornada da convenção do Partido Republicano que vai definir o candidato do partido à Casa Branca – só que não pelos motivos esperados pelos organizadores.

Melania, que teceu fartos elogios ao marido na noite desta segunda-feira (18/07), em Cleveland, foi acusada de plagiar o discurso da primeira-dama dos Estados Unidos, Michelle Obama, na convenção do Partido Democrata, em 2008. No trecho que chamou a atenção pelas semelhanças, Melania, uma ex-modelo eslovena naturalizada americana, falou aos delegados republicanos sobre a influência dos pais na vida dela e sobre a transmissão de valores para os filhos.

"Meus pais imprimiram em mim este valores: que você deve trabalhar duro por aquilo que deseja na vida. Que a sua palavra é seu compromisso e que você faz o que diz e mantém sua promessa. Que você trata as pessoas com respeito. Eles me ensinaram a mostrar os valores e atitudes morais na minha vida diária. Essa é a lição que eu sigo passando para o nosso filho", discursou Melania.

"E temos que passar essas lições adiante para as muitas gerações seguintes. Porque queremos que os nossos filhos, nessa nação, saibam que o único limite para suas conquistas é a força dos seus sonhos e a sua determinação de trabalhar por eles", continuou.

Michelle Obama

Michelle Obama durante a convenção democrata de 2008, em Denver

Em 2008, Michelle Obama afirmara algo semelhante em Denver. "Barack e eu fomos educados com tantos valores em comum: que você deve trabalhar duro por aquilo que quer na vida; que a sua palavra é o seu compromisso e que você faz aquilo que disse que iria fazer; que você trata as pessoas com dignidade e respeito, mesmo que você não as conheça e mesmo que você não concorde com elas."

"E Barack e eu começamos a construir vidas guiados por esse valores, e os passamos para a próxima geração. Porque queremos que os nossos filhos – e todos os filhos nessa nação – saibam que o único limite para o alcance das suas conquistas é o alcance de seus sonhos e a sua determinação de trabalhar por eles", prosseguiu.

Antes de sua participação na convenção republicana, Melania declarou à emissora NBC News que escreveu o seu discurso com "um pouco de ajuda". Segundo pessoas ligadas à campanha de Trump, ela preparou sua participação durante seis semanas com um redator de discursos.

Nem a Casa Branca nem a campanha de Trump comentaram as acusações.

AS/lusa/afp

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados