1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Massacre em Manaus

Em janeiro de 2017, motim no Complexo Presidiário Anísio Jobim, em Manaus, deixa ao menos 56 mortos e chama a atenção para os problemas do sistema carcerário brasileiro. Revolta foi motivada por disputa entre facções.

As autoridades do Amazonas confirmaram a morte de 56 pessoas, sendo que 30 delas foram degoladas, durante uma rebelião de presos no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Comaj), em Manaus. O motim foi motivado por brigas entre duas facções rivais: o Primeiro Comando da Capital (PCC) e a Família do Norte (FDN), aliada do Comando Vermelho (CV).

Ver mais