MARINHA ISRAELENSE DETÉM SEM VIOLÊNCIA OUTRO NAVIO | Escreva sua opinião, comentários, críticas ou sugestões | DW | 12.06.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Sua Opinião

MARINHA ISRAELENSE DETÉM SEM VIOLÊNCIA OUTRO NAVIO

Israel e o conflito com navios de ajuda humanitária a Gaza continua sendo o tema mais comentado por nossos leitores, mas temos ainda opiniões sobre Airbus, Opel e literatura. Não deixe de ler!

default

O que o exército israelense fez contra o navio de ajuda humanitária, nada mais é que um terrorismo de Estado. Israel deve sim ser punido exemplarmente, para que toda essa barbaridade que eles cometem há séculos contra os palestinos tenha um fim. O povo palestino é um povo sofrido, sem pátria, sendo que Israel nada faz em benefício dos mesmos, e sim só comete atrocidades contra esse povo.
Mauricio Joffre da Silva

A Turquia, decepcionada com o processo da sua admissão no seio da UE, e não querendo, na circunstância, ceder o papel hegemônico que reclama no mundo islâmico do Médio Oriente, do Irã, converge com o Hamas nos preparativos e organização de uma bem montada manobra de provocação, tendente a, isolando Israel, afirmar-se como incontornável potência regional. Só assim acontece, porém, face à habitual tibieza da Europa, que se recusa a encarar o terrorífico alien, que aliás acolheu já no seu próprio seio. Ai de nós se persistirmos nos erros do passado.
João Martins (Portugal)

Premiê israelense elogia novas sanções contra o Irã: é o cúmulo da hipocrisia! Israel faz o que quer, massacra manifestantes que se opõem à ocupação ilegal do seu território, aborda navios de ajuda humanitária e não recebe nenhuma sanção, e ainda tem a cara-de-pau de dizer que o Irã tem que ser punido! É essa política de dois pesos e duas medidas que revolta o mundo e impede a paz no Oriente Médio.
Cybele C. de Almeida

Ridículas e risíveis as crônicas alemãs sobre Israel. Parecem ter pavor de assumir a realidade, como potência (se não militar, ao menos econômica), e afirmar que Israel é um estado racista, arbitrário, que falsifica passaportes, assassina patriotas em países estrangeiros, viola leis internacionais e escarnece dos organismos internacionais. Parece que a Alemanha só é firme em questões apoiadas pelos EUA. Pobre Alemanha.
Antonio Atihe

Acho uma brincadeira de criança inocente a maneira como o presidente Barack Obama se refere ao incidente de terrorismo do Estado de Israel. De duas uma: ou ele é retardado mental ou está pensando que nós somos. Ele tem que sair da carapaça do cuidado excessivo e dizer abertamente, ao capacho dele, que retire o embargo à Palestina, ou o mundo se encarregará de fazê-lo, nem que isto resulte num banho de sangue. Chega, basta, já foi longe demais.
Maria da Conceição da Silva Araújo

O ataque da marinha israelense à missão humanitária vem provar, mais uma vez, que os dirigentes de Tel Aviv desrespeitam, a todo o momento, os princípios elementares da convivência pacífica entre os povos e transformam-se em fazedores de guerras e criadores de ódio. Sua atuação no Oriente Médio vai contra o Direito Internacional e as deliberações da ONU, e espalha pelo mundo um desejo de vingança dos povos civilizados, que mais tarde ou mais cedo se vai concretizar. O apoio que, cinicamente, tem recebido dos líderes europeus e norte-americanos vai prorrogando esse dia. Mas... ele chegará, na altura própria. O mundo não pode aceitar um povo que, dia sim, dia não se entrega a atos de "terrorismo de Estado", como muito bem afirmou o primeiro-ministro turco, Tayyip Erdogan.
Herculano Carreira (Portugal)

ALEMANHA NÃO DARÁ AJUDA ESTATAL À OPEL

Creio que o governo alemão somente deverá ajudar a Opel se proporcionalmente à ajuda adquirir controle acionário da companhia. Caso contrário, estará ajudando a matriz a se recuperar do déficit orçamentário sem ter em contrapartida garantias de que não haverá desemprego.
Marcio Aulete de Ronai Pereira

ENCOMENDAS BILIONÁRIAS À AIRBUS MARCAM O INÍCIO DA ILA EM BERLIM

O Airbus A380 é simplesmente fantástico como o maior jato para 850 passageiros. Os Airbus 320 e os Airbus 350 têm seus méritos uma vez escolhidos pela TAM do Brasil. A Copa de 2014 e a Olimpíada de 2016 estarão aí para usá-los. Entretanto não se deve esquecer que todos os modos de transportes devem ser dinamizados, pois eles se completam.
Nilton Avelino Boeri

POLÊMICO CRÍTICO LITERÁRIO REICH-RANICKI COMPLETA 90 ANOS

Sou escritor; e achei legal e até justa a postura do crítico literário alemão Marcel Reich-Ranicki em advogar a favor dos leitores! Fato é que existem muitos autores e editoras mercenárias, que por seus poderes aquisitivos se vêem no direito de enfiar goela abaixo dos leitores obras sem nexo, principalmente no Brasil! Talvez seja este um dos motivos pelos quais o brasileiro não tenha o hábito de ler! A boa leitura dá prazer!
João Cirino Gomes

Leia mais