Maioria dos alemães defende que homens depilem axilas | Notícias sobre política, economia e sociedade da Alemanha | DW | 04.04.2016
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Maioria dos alemães defende que homens depilem axilas

Na Alemanha, pesquisa indica que principalmente os homens jovens removem pelos de axilas e virilha. Já entre as mulheres, a depilação não é obviedade como no Brasil.

Dois terços das alemãs preferem homens com axilas depiladas

Dois terços das alemãs preferem homens com axilas depiladas

Quase dois terços das mulheres na Alemanha preferem homens com axilas depiladas, revelou uma pesquisa online divulgada no último fim de semana pelo instituto YouGov. Entre os homens, 53% são dessa opinião.

Também pelos na virilha são indesejados. Na pesquisa, respondida por 1.318 pessoas com mais de 18 anos de idade, 43%, tanto dos homens quanto das mulheres, consideram que os homens devem remover os pelos também na região íntima. Mas 33% são contra e 24% responderam "não sei".

Os principais adeptos da depilação são os grupos etários mais jovens. Entre os homens de até 34 anos, 65% depilam as axilas e 67%, a virilha. Já entre os com mais de 55 anos, 28% depilam a virilha e 30%, embaixo dos braços. Sete por cento dos homens afirmaram remover até mesmo os pelos das pernas.

Entre as mulheres, a depilação não é algo óbvio, como no Brasil: 76% disseram que depilam as axilas, 59%, a virilha, e 71%, as pernas.

No entanto, em geral, a pesquisa mostrou que alemães não gostam de pelos pelo corpo. Em relação ao pelos masculinos, 56% dos entrevistados acham "feios", enquanto 23% consideram "bonitos". A tendência é ainda mais clara em relação aos pelos femininos: para 87%, eles são "feios". Somente 4% acham os pelos no corpo de uma mulher "bonitos".

RW/dpa/ots

Leia mais