1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Literatura alemã online

Portal de lançamentos, banco de dados e serviço de subsídio à tradução: a nova revista eletrônica Litrix quer veicular títulos contemporâneos em outros países.

default

Com a revista eletrônica Litrix.de – Literatura Alemã Online, o Instituto Goethe pretende incentivar a recepção da literatura e da produção intelectual alemã em outros países. O projeto, iniciado pela Fundação Federal de Cultura e realizado em parceria com a Feira do Livro de Frankfurt, dirige-se sobretudo a editores e tradutores no exterior. Trata-se de um site trilíngüe, editado em alemão, inglês e numa terceira língua a ser trocada a cada ano.

Portal de lançamentos - A revista relata sistematicamente sobre novas publicações de ficção, ensaio e literatura infanto-juvenil, complementando as resenhas com trechos de até 20 páginas das obras, no original e em tradução. Além de oferecer um panorama das publicações recentes, o site inclui perfis de autores e informações gerais sobre o cenário editorial da Alemanha. O principal foco da revista é a produção literária e intelectual posterior à reunificação.

Incentivo à tradução – Esta também é uma prioridade do Litrix. A revista dispõe de recursos próprios para incentivar projetos de tradução, sobretudo “em regiões cujo background cultural e social se diferencia sensivelmente do alemão”. Para 2004, a língua em foco é o árabe. No ano seguinte, provavelmente será um idioma asiático. O incentivo à tradução não se limita a uma ajuda financeira a editoras interessadas em publicar obras alemãs, mas se aplica a programas de qualificação de tradutores.

Revertendo a balança – Em se tratando de literatura, a Alemanha é um país de importação. Um em cada sete títulos lançados anualmente no mercado de livros é de autores estrangeiros, enquanto o número de títulos alemães comprados no exterior só chega à metade disso. Este desequilíbrio ainda é mais nítido no âmbito literário: enquanto dois mil títulos são traduzidos do inglês para o alemão a cada ano, o inverso se limita a apenas 40 livros. O site pretende ajudar a reverter esta situação.

A mídia certa – A encarregada do projeto, Anne-Britt Gerecke, considera uma revista eletrônica o meio mais prático de propagar o incentivo à tradução. Em vez de ter que enviar exemplares “para os quatro cantos do mundo”, sem saber direito quem está lendo a publicação, a concepção da Litrix “possibilita que qualquer um se sente no computador no meio da noite e visite o site e também pesquise links de outras instituições”. Tudo em árabe – O site, cujo recente lançamento coincide com a Feira do Livro do Cairo, também foi inaugurado em árabe, como terceira língua. Isso significa que as traduções a serem subsidiadas pela Litrix são exclusivamente para este idioma em 2004. Sobretudo desde 11 de setembro de 2001, cresce a necessidade de intensificar o intercâmbio cultural com os países árabes e superar preconceitos e clichês. Uma revista eletrônica que veicule com a rapidez da mídia internet a recente produção intelectual abre mais uma perspectiva para o intercâmbio cultural.

Leia mais

Links externos