1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Lewis Hamilton é bicampeão de F-1 após vencer em Abu Dhabi

Britânico toma a ponta antes da primeira curva, passando companheiro de equipe Nico Rosberg. Com problemas no carro, alemão vê frustrado sonho de se tornar campeão mundial. Brasileiro Felipe Massa termina em segundo.

default

Ao lado de Felipe Massa e Valtteri Bottas, Hamilton comemora vitória em Abu Dhabi e conquista do campeonato

O britânico Lewis Hamilton conquistou neste domingo (23/11) seu segundo campeonato de Fórmula 1 após vencer em Abu Dhabi o último grande prêmio da temporada.

Campeão também em 2008, Hamilton frustrou o sonho de seu companheiro da equipe Mercedes, Nico Rosberg, único piloto que tinha possibilidades de disputar a coroa com o britânico no circuito de Yas Marina. O alemão, entretanto, enfrentou problemas técnicos e terminou em décimo quarto lugar.

Hamilton, que dominou por completo o ano, com 11 vitórias e 16 pódios, terminou 2014 com 384 pontos, 67 a mais que Rosberg. O australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull, foi o terceiro na classificação general, com 238 pontos.

O piloto britânico, de 29 anos, necessitava apenas de um segundo lugar para se tornar campeão, tendo cruzado a linha de chegada em primeiro, seguido pelas Williams de Felipe Massa e de Valtteri Bottas.

"Campeão do mundo! Oh, meu Deus, não acredito. Obrigado a todos", gritou Hamilton, emocionado, por rádio, para sua equipe, logo após receber a bandeirada. Quem respondeu foi o príncipe Harry, também por rádio. "Muito obrigado, Lewis, por não ter desapontado o público britânico", agradeceu o neto da rainha Elisabeth, dos boxes. "Você é uma lenda", acrescentou.

Pesadelo de Rosberg

Rosberg, que precisava ganhar e que Hamilton terminasse em terceiro, viveu um verdadeiro pesadelo em Abu Dhabi. Saindo da pole position, o alemão largou mal, tendo perdido o primeiro lugar para Hamilton já antes da primeira curva, sendo quase alcançado por Felipe Massa que, largando em quarto conseguira pular para a terceira posição.

Nico Rosberg in Abu Dhabi

Nico Rosberg: problema no carro frustrou sonho do primeiro campeonato

Incapaz de pressionar Hamilton e com problemas de potência em sua Mercedes, ele cedeu sua posição a Massa. Mais tarde, a situação se complicou ainda mais para o alemão após ele sair em uma curva e perder posições a cada volta. A poucas voltas para o final, sua equipe mandou que voltasse aos boxes. "Gostaria de chegar ao final", respondeu o piloto.

Após ultrapassar Rosberg, Massa apertou o ritmo e por momentos parecia que poderia alcançar Hamilton, mas o britânico continuou pisando no acelerador e, faltando 20 voltas para o fim, tinha praticamente o título no bolso.

O Grande Prêmio de Abu Dabi foi também a última corrida do alemão Sebastian Vettel com a Red Bull, escuderia com que conquistou quatro títulos mundiais. Vettel, que terminou em oitavo, correrá no próximo ano pela Ferrari.

MD/afp/dpa

Leia mais