Legião holandesa leva o Bayern de Munique a mais um título | Leia as principais notícias sobre o futebol internacional | DW | 10.05.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futebol

Legião holandesa leva o Bayern de Munique a mais um título

Equipe do técnico Louis van Gaal conquista a Bundesliga pela 22ª vez e sonha com a "Tríplice Coroa". Dzeko, do Wolfsburg, fica com a artilharia. Hertha Berlim e Bochum vão para a Segunda Divisão.

default

O capitão Mark van Bommel levanta o troféu

O Bayern de Munique comemora seu 22º título da Bundesliga. A conquista foi confirmada no sábado passado (08/05), quando o time venceu o Hertha Berlim por 3 a 1, fora de casa.

O maior vencedor da história do futebol alemão terminou o torneio com 70 pontos, cinco a mais que o vice-campeão Schalke, que empatou sem gols com o Mainz na última rodada.

NO FLASH Bundesliga letzter Spieltag MEISTER BAYERN MÜNCHEN

Louis van Gaal leva banho de cerveja dos jogadores

Festa holandesa na Alemanha

Louis van Gaal foi o primeiro treinador holandês a se tornar campeão alemão. Dentro de campo, seus compatriotas ajudaram na conquista. Mark van Bommel foi o primeiro capitão estrangeiro a levar o Bayern ao título. O principal destaque do time também vem da Holanda: Arjen Robben marcou dois gols no último sábado e terminou o campeonato com 16, sendo o artilheiro da equipe.

Os bávaros vivem a expectativa de ter ainda mais para comemorar. No próximo sábado, novamente no Estádio Olímpico de Berlim, eles disputarão a final da Copa da Alemanha contra o Werder Bremen.

No fim de semana seguinte, em 22 de maio, acontecerá a final da Liga dos Campeões, contra a Inter de Milão. Se vencer os dois jogos, o Bayern de Munique conquistará a chamada "Tríplice Coroa", feito que nenhum clube alemão conseguiu até hoje.

Outros vencedores

Não só o Bayern tem o que comemorar ao final da temporada. Apesar de ter perdido o título, o vice-campeão Schalke confirmou presença na próxima edição da Liga dos Campeões. Outro que garantiu vaga na principal competição do continente foi o Werder Bremen, que terminou a Bundesliga na terceira posição.

Bayer Leverkusen, Borussia Dortmund e Stuttgart – respectivamente quarto, o quinto e o sexto colocados – ficam com as vagas destinadas à Alemanha na Liga Europa.

Bundesliga Torschützenkönig Edin Dzeko mit Torjägerkanone

Edin Dzeko com o troféu de artilheiro

Já o Wolfsburg, campeão da temporada passada, tem pouco a comemorar. O clube terminou na oitava posição, fora das competições europeias. No entanto, teve, pela segunda temporada consecutiva, o artilheiro da Bundesliga: o bósnio Edin Dzeko, com 22 gols. Em 2008/09 essa conquista fora do brasileiro Grafite.

Do outro lado da tabela

A última rodada guardava definições quanto ao rebaixamento. Com 24 pontos, o Hertha Berlim já entrou em campo sabendo que se despediria da divisão principal, sem chances de permanecer.

Por isso, a disputa girava em torno de três clubes: Bochum, Nürenberg e Hannover. No confronto direto, o Hannover bateu o Bochum por 3 a 0, fora de casa. Com isso, o time da Baixa Saxônia se manteve entre a elite do futebol alemão e rebaixou seu adversário.

O Nürenberg, que venceu o Colônia por 1 a 0, ficou em antepenúltimo lugar. Agora, vai encarar o Augsburgo, terceiro colocado da Segunda Divisão, em jogos de ida e volta. Quem vencer se garante na Bundesliga.

Os novatos

1 FC Kaiserslautern steigt in die 1. Liga auf

Torcida do Kaiserslautern comemora o retorno

O Kaiserslautern está de volta à divisão principal. O clube, que foi campeão alemão na década de 1990, empatou com o Augsburg por 1 a 1 na última rodada e levou o título da Segunda Divisão.

O vice-campeão, que também retorna à Bundesliga, foi o St. Pauli, famoso por sua torcida alternativa, que representa a cultura underground da região portuária de Hamburgo.

TM/sid/dpa
Revisão: Alexandre Schossler

Leia mais