1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Lúcio: "Eu quero jogar no Real Madri"

O jogador do Bayer Leverkusen voltou a enfatizar seu desejo de atuar no time espanhol.

default

Lucio (e), do Bayer Leverkusen, e Hanno Balitsch, do Colônia

"Se eu pudesse escolher, iria para o Real Madri, que é o melhor clube do mundo", revelou o zagueiro Lúcio José Féliz Dias, 23 anos, para a revista esportiva espanhola Marca. O fascínio do atleta brasileiro pela equipe do Madri nunca foi segredo. A novidade, porém, é que agora ele está determinado a tornar este sonho uma realidade.

Com contrato vigente até 30 de junho de 2005 no Bayer Leverkusen, a transferência antecipada não será tão fácil assim. E Lúcio sabe disso: "Não depende só de mim. Eu ainda tenho um contrato para cumprir. De minha parte, não teria problema em sair antes, mas são os clubes que precisam chegar a um acordo."

Lúcio fica - O diretor do Bayer Leverkusen, Rainer Calmund, garante que Lúcio ainda jogará no time alemão na próxima temporada, assegurando, inclusive, que o brasileiro se sente muito bem entrosado e por isso não teria motivos para querer sair logo.

Compreensão - Afinal, o que pensa Lúcio? " Eu quero jogar no Real Madri. O Madri é uma grande equipe. Lá eu seria muito feliz, pois o clube tem mentalidade de campeão." Perguntado se faria algo para antecipar sua saída do Bayer Leverkusen, o jogador brasileiro respondeu que "tenho um empresário e ele sabe exatamente o que eu quero."

Lúcio considera normal ambicionar uma equipe do porte do Real Madri e acredita que o clube alemão, atual líder da Bundesliga, não faria oposição. "Eu acho que o Bayer iria compreender minha atitude."

O Bayer Leverkusen, por sua vez, já anunciou que não pretende liberar o zagueiro antes do término do contrato por uma quantia inferior a 40 milhões de euros.