1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Líderes mundiais saúdam novo Papa

A eleição do argentino Jorge Mario Bergoglio como primeiro pontífice latino-americano foi comemorada em todo o mundo. Líderes de diversas nações coomunicaram suas esperanças no novo papado.

Na noite desta quarta-feira (13/03), já no segundo dia do conclave, os prelados reunidos no Vaticano escolheram o cardeal argentino Jorge Mario Bergoglio, de 76 anos de idade, como novo chefe da Igreja Católica. Sob o nome pontifício de Francisco, ele é, ao mesmo tempo, o primeiro Papa proveniente das Américas e o primeiro jesuíta da história.

A chanceler federal da Alemanha, Angela Merkel, expressou seu contentamento pelos cristãos da América Latina, que agora têm um dos seus como Papa. Merkel, filha de um pastor luterano, afirmou que "para muito além da cristandade católica, muitos aguardam a orientação dele, não apenas em questões de fé, mas também em relação á paz, a justiça e a preservação da criação". A premiê desejou saúde e força ao novo pontífice.

Já o presidente alemão, Joachim Gauck, qualifica a nomeação do primeiro pontífice latino-americano como um "sinal claro da dimensão global da Igreja Católica". "O nome escolhido, Francisco, remete ao santo cuja afeição pelas pessoas e pela criação toca e comove os fiéis de todas as confissão." Sobretudo "sua devoção pelos pobres e fracos é um exemplo para muitos", acrescentou.

Papst Franziskus Reaktionen Argentinien

Fiéis argentinos comemoram escolha do cardeal Bergoglio como novo Papa

"Sinal importante"

David Cameron, primeiro-ministro britânico, declarou em mensagem na rede social Twitter que o dia da nomeação do papa Francisco foi "um dia memorável para os 1,2 bilhão de católicos em todo o mundo". Em Paris, o presidente François Hollande enviou mensagem ao Papa, com os melhores votos para enfrentar os desafios do mundo atual. Ele assegurou que a França seguirá travando um "diálogo confiante" com a Santa Sé, "em serviço da paz, justiça, solidariedade e dignidade humana".

O chanceler federal austríaco, Werner Faymann, saudou o novo pontífice, e disse considerar a escolha de um papa latino-americano "um sinal muito importante aos fiéis dessa parte do mundo".

Vladmir Putin, presidente da Rússia, enviou uma carta de congratulação a Jorge Mario Bergoglio, desejando boa sorte e sucesso na promoção da paz e do diálogo entre os povos e as religiões. "Estou confiante de que a cooperação construtiva entre a Rússia e o Vaticano seguirá se desenvolvendo com êxito, sobre a base dos valores cristãos que nos unem."

"Homem de inspiração"

Papst Franziskus Fresko Franz von Assisi

São Francisco de Assis: inspiração para o novo Bispo de Roma

O secretário geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, afirmou que sua organização e a Igreja Católica partilham "objetivos comuns" de promover a paz, justiça social e direitos humanos, além da erradicação da fome e da pobreza. "Compartilhamos também a convicção que, através do diálogo, conseguiremos encontrar as soluções para os desafios do mundo de hoje." Ki-moon afirmou estar ansioso por uma cooperação sob a "sábia liderança" do papa Francisco 1º.

O presidente de Israel, Shimon Perez, convidou o novo pontífice a visitar a Terra Sagrada, afirmando que, como "homem de inspiração", ele poderá contribuir para as tentativas de trazer paz ao Oriente Médio, "uma região tempestuosa". "Mais do que nunca, precisamos de liderança espiritual, e não apenas política. Onde os políticos podem dividir, os líderes religiosos podem unir", comentou. Segundo Perez, o antecessor Bento 16 era "um bom amigo de nosso povo".

Nos Estados Unidos, o presidente Barack Obama louvou a opção por um papa das Américas como sinal da força e vitalidade da região, e elogiou a escolha no nome Francisco. "Como defensor dos pobres e mais vulneráveis entre nós, ele porta a mensagem de amor e compaixão que tem inspirado o mundo há mais de 2 mil anos: que vemos a face de Deus uns nos outros." Obama disse estar ansioso para cooperar com o novo pontífice na promoção da paz, segurança e dignidade para todos os seres humanos.

RC/afp/ap/dpa/rtr
Revisão: Augusto Valente

Leia mais