1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Knut e os outros ursos de Berlim

A festa foi só de Knut, por ocasião de sua primeira apresentação pública. Mas o 'Urso de Berlim' oficial chama-se Tilo e vive ao lado da Embaixada do Brasil.

default

Knut se apresenta ao público

Knut-Manie

Knut em pelúcia

Por ocasião de sua primeira apresentação pública, na última sexta-feira (23/03) em Berlim, a festa foi só de Knut, o ursinho polar abandonado pela mãe que se tornou a sensação do momento. Knut é agora apadrinhado pelo ministro alemão do Meio Ambiente, Sigmar Gabriel (SPD), e será mascote da Conferência sobre Diversidade Biológica a se realizar em maio de 2008, em Bonn.

Segundo o ministro, Knut poderá prestar uma contribuição ao combate às mudanças climáticas e à proteção às espécies ameaçadas, como os ursos polares do Ártico.

Knut também é bom

Die Berliner Landesfahne

Bandeira de Berlim

Além dos quase mil visitantes, centenas de jornalistas acompanharam a estréia do ursinho que acabou chamando mais a atenção da imprensa mundial do que o encontro da União Européia, que se realizou no último fim de semana, em Berlim. Com Knut, o zoológico de Berlim espera receber 200 a 300 mil visitantes a mais neste ano. O zoológico também está faturando com camisetas, ursinhos de pelúcia e com o CD Knut ist gut (Knut é bom).

Entre os tantos ursos da capital alemã, Knut é com certeza o mais popular, mas não é o único. Eles podem ser também encontrados no Jardim Zoológico, no Parque de Animais Selvagens de Berlim, e também no Köllnischer Park, local de origem da cidade-Estado, homenageado com a Toca dos Ursos pelo governo da capital, onde a figura do urso está presente em seu brasão de armas, selos e bandeiras já há 727 anos.

Tilo, Maxi e Schnute

Bärenzwinger in der Bärenstadt

A simpática ursa marrom se chama Maxi

Os urso marrons Tilo, Maxi e Schnute são os atuais habitantes da toca inaugurada poucos dias antes do início da Segunda Guerra Mundial, em agosto de 1939, como símbolo vivo do brasão da cidade. Tilo e suas "damas", também marrons, já tiveram cinco filhotes, três dos quais presenteados ao zoológico de Buenos Aires. A decisão de construir a gruta no local onde a cidade surgiu foi intencional, explica Bernd Unger, antigo presidente da Associação dos Amigos dos Ursos de Berlim.

"Naturalmente, havia antes ursos no Jardim Zoológico e há também no Parque de Animais Selvagens de Berlim. No entanto, lá eles são espécies zoológicas. Como animais em brasão de armas, o seu domicílio é na Toca dos Ursos, no bairro berlinense de Mitte. Ela não poderia estar mais bem situada: vizinha ao Märkischer Museum, ao rio Spree e à Igreja de São Nicolau, onde nasceu a cidade de Berlim", comenta Bernd Unger.

O verdadeiro "Urso de Berlim"

Bärenzwinger in der Bärenstadt

Tilo, o 'Urso de Berlim'

O primeiro documento no qual o urso aparece no brasão da cidade data de 22 de março de 1280. Desde então, ele dividiu com águias e coroas as armas da cidade. No final da Primeira Guerra, sumiu a águia prussiana e o urso republicano se tornou símbolo da autonomia de Berlim. Aceitando a denominação literal do "Urso de Berlim" como um ser masculino, acrescenta Unger, já existiram quatro representantes da cidade desde 1939: Urs, Nante, Taps e, agora, Tilo.

Por ocasião do 727° aniversário do urso como o animal retratado nas armas de Berlim, Tilo, Maxi e Schnute foram homenageados, na última quinta-feira (22/03), com direito a festa de aniversário e à presença do subprefeito Christian Hanke, informa o jornal Berliner Morgenpost.

Ursinhos quase brasileiros

Brasilianische Botschaft Berlin

Prédio da Embaixada do Brasil em Berlim

Para os brasileiros, a curiosidade da Toca dos Ursos do Köllnischer Park é o fato de ficar a poucos metros do prédio da Embaixada do Brasil na Alemanha, edifício que provocou bastante discussão, na ocasião de sua inauguração, pelo fato de ser um prédio alugado e, além disso, o mais caro de todas as embaixadas brasileiras do mundo: cerca de 100 mil euros mensais. Este fato não deve ser, entretanto, motivo de tristeza do turista brasileiro que visitar Berlim.

A esplêndida localização da embaixada, às margens do rio Spree e ao lado do Köllnischer Park, juntamente com a vizinhança de Tilo, Maxi e Schnute, são certamente um alívio para o bolso dos contribuintes brasileiros que visitarem o prédio de sua embaixada na capital alemã.

Leia mais