1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Kahn diz que ser reserva lhe fez bem

O papel incomum como goleiro reserva da seleção alemã foi uma experiência importante em sua vida, revelou Oliver Kahn. A Copa do Mundo foi para ele como ser humano uma experiência mais enriquecedora do que se tivesse jogado no gol.

Kahn admitiu que a decisão do técnico Jürgen Klinsmann em favor de Jens Lehamn como goleiro titular foi para ele como um "tapa na cara". Afinal, jogar na Copa "em casa" teria sido uma meta de vida. Ele teria se fechado vários dias em casa, tendo sido obrigado a refletir. Só então teria se decidido a seguir um "caminho esportivo".

Kahn, 37 anos, que deixou a seleção alemã após a Copa, pretende continuar no gol do Bayern de Munique ainda durante dois anos. Depois disso, e após uma carreira de 22 anos como profissional do futebol, pretende se retirar por uns tempos da vida pública.