1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Juventude alemã é tema de exposição

Instituto Goethe de Munique apresenta a realidade dos jovens da Alemanha transformada em arte. O público-alvo, os estudantes, poderão se confrontar com seu próprio dia-a-dia.

default

CDs gigantes contam um pouco sobre como vivem os jovens alemães

Com o título de Jugend.de, a exposição mostra como os jovens vivem na Alemanha, o que consideram importante neste período da vida e que temas mais despertam a sua atenção. Concebida para ser uma mostra itinerante, deverá estimular o desenvolvimento de projetos paralelos ao passar por outras cidades do mundo.

O que toca no rádio

Hip hop é o que há de mais cool no momento. Sem música, nada parece ter sentido. Se em casa ou em uma festa, é este ritmo de origem norte-americana que determina a rotina dos jovens na Alemanha. Presente em toques de celulares, aparelhos de mp3 e em lojas de eletrônicos, a música é também o que dá o compasso à exposição.

Hip Hop World Challenge 2005

Para os jovens, hip hop é, antes de mais nada, um estilo de vida

Dezesseis painéis gigantes em formato de CD apresentam estatísticas, fotos, grafites, comentários e explicações sobre estilo de vida, escola, liberdade, família, migração e valores. "Ficar por horas ao telefone com amigos, sair em grupos, escutar música à noite ou ir ao cinema. Disso os jovens não abrem mão", explica Kristina Pavlovic, coordenadora do projeto.

Para ilustrar essa idéia, um dos enormes CDs tem como título "Amigos é o que há de mais importante na vida". Mensagens sobre esta peculiar parcela da população alemã ganharão a estrada e serão conhecidas em todo o mundo. "Procuramos apresentar este trabalho com dados, estatísticas e depoimentos de jovens. Deixamos de lado textos longos e científicos", diz a coordenadora.

Exposição em escolas

"Esta coletânea foi organizada para ser levada principalmente a escolas", diz Pavlovic. "Por exemplo, nós estimularemos estudantes a montarem seu próprio CD [painel]". O tema caberá à criatividade de cada um. "Mas teremos um retrato de como aqueles jovens vivem em seu país", acrescenta.

Problemas expostos

Quinhentas mil crianças são dependentes de álcool. Vinte e três por cento de jovens entre 12 e 17 anos são fumantes ativos e quatro por cento já experimentaram ecstasy. Com estas informações, o painel intitulado "Problemas freqüentes" chama a atenção para as tentações e os perigos enfrentados nos tempos atuais.

Rauchen in der Schule

Problemas desta fase da vida também são abordados

"Desde o início da concepção dos temas e depoimentos, os jovens estiveram envolvidos", ressalta a coordenadora. "E houve uma grande discussão sobre o que é realmente importante e o que não é", acrescenta.

Para ela, apesar das divergências, uma tendência prevaleceu. "Ninguém quis mostrar uma foto negativa. Poderíamos acentuar os aspectos problemáticos, mas os jovens disseram não para esta possibilidade", lembra a coordenadora Pavlovic.

Relações pessoais e valor

Repúblicas de estudantes, casamentos sem papel passado, parceria homossexual. Os relacionamentos ainda ocupam espaço importante na vida dos jovens alemães. "Família é felicidade" foi o título dado para esta parte da exposição.

Um dos últimos CDs gigantes, o valor do jovem na sociedade. Conforme inscrição no painel, "a juventude de hoje é mais exigida. Mesmo assim, são otimistas em relação ao futuro. Com energia e desempenho esperam ter sucesso".

Leia mais