1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Brasil

Justiça condena Marcelo Odebrecht a 19 anos e 4 meses de prisão

Ex-presidente da Odebrecht é condenado pelos crimes de corrupção ativa, lavagem de dinheiro e associação criminosa, relacionados ao esquema de desvios de recursos da Petrobras investigado pela Operação Lava Jato.

O empresário Marcelo Odebrecht foi condenado nesta terça-feira (08/03) a 19 anos e quatro meses de prisão por crimes referentes ao esquema de corrupção na Petrobras. O ex-presidente e herdeiro do grupo Odebrecht foi condenado pelo juiz Sergio Moro pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e associação criminosa.

"Entre os crimes de corrupção, de lavagem de dinheiro e de associação criminosa, há concurso material, motivo pelo qual as penas somadas chegam a dezenove anos e quatro meses de reclusão, que reputo definitivas para Marcelo Bahia Odebrecht", afirmou Moro em sua sentença. A empresa terá também que pagar 241 milhões de reais em indenização.

Esta é a primeira condenação de Marcelo Odebrecht. Outros executivos da empresa também foram setenciados: Márcio Faria e Rogério Araújo a 19 anos e quatro meses de reclusão, César Ramos Rocha a 9 anos e dez meses e Alexandrino Alencar a 15 anos e sete meses de prisão.

O empreiteiro e outros executivos da Odebrecht estão presos desde 19 de junho, após a deflagração da 14ª fase da Operação Lava Jato. Segundo os procuradores, entre as irregularidades estão o pagamento de propina usando empresas no exterior.

FC/rtr/abr

Leia mais