1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Jornais exaltam vitória dramática da Argentina contra Suíça

Gol de Di María nos últimos minutos e comemoração do jogador com as mãos formando um coração foram ponto de partida para diversos jornais argentinos. Segundo um deles, equipe contou até mesmo com ajuda do papa Francisco.

default

Di María celebra gol da vitória sobre Suíça

A dramática vitória da Argentina sobre a Suíça na terça-feira (01/07), por uma das oitavas de final da Copa do Mundo, rendeu capas de jornais cheias de alusões à comemoração do meio-campista Ángel Di María com as mãos em forma de coração, e refletiram a angústia de jogadores e torcedores, que durou até o último segundo de jogo.

A partida, cheia de emoções, não foi mesmo para quem tem um coração fraco. O gol da vitória só saiu a dois minutos do fim, no segundo tempo da prorrogação, em jogada de Lionel Messi para Di María completar. Antes do apito final, o suíço Blerim Dzemaili acertou a bola na trave do goleiro Sergio Romero, e quase conseguiu empatar a partida.

O maior jornal esportivo argentino, Olé, destacou em sua capa a comemoração do meio-campista Ángel Di María e a manchete "Ataque ao coração". Segundo o periódico escreveu, o país inteiro esteve à beira de um ataque cardíaco e "festejou como louco a passagem dramática para as quartas de final”. E completou: "Sobrevivemos! Que agora venha a Bélgica".

O jornal La Nación estampou na capa a comemoração de Di María com o título "Com o coração na mão. Angustiante e emocionante passo da seleção no Brasil". O periódico citou que o triunfo foi alcançado em cima da hora, com o gol de Di María, após grande jogada de Messi. E afirmou que a seleção argentina foi superior em relação à Suíça, mas faltou "jogo".

Jornais suíços exaltam equipe europeia

WM 2014 Gruppe E 2. Spieltag Schweiz Frankreich

Shaqiri foi um dos principais jogadores da Suíça no Mundial

O diário esportivo argentino AS publicou uma capa em alusão ao chute do suíço Dzemaili que atingiu a trave e, assim, carimbou a vitória argentina por 1 a 0. Com a foto do papa Francisco sobre o lance, o jornal manchetou "La sacó Francisco" (Foi retirada por Francisco), acrescentando que a Argentina passou para as quartas de final com "um gol de Di María e ajuda celestial”.

O Clarín estampou a foto de Di María e a manchete "A puro corazón", dizendo que a Argentina venceu com um gol "agônico" de Di María após uma jogada "genial" de Messi. Para o jornal, a equipe teve sua cota de sorte no minuto final da partida.

Mesmo com a derrota da Suíça, os periódicos do país exaltaram a seleção europeia. O Blick, publicado na língua alemã, deu na capa a foto do meio-campista Xherdan Shaqiri, com a manchete "Estamos orgulhosos de vocês!". Além disso, colocaram várias fotos de lances de jogos com as frases de incentivo como "Vocês lutaram", "Vocês sofreram" e "Vocês nos fizeram sonhar".

Já o La Regione Ticino, de idioma italiano, publicou uma foto do jogador Shaqiri sentado no chão e com as mãos nos olhos, com a manchete "Lágrimas de orgulho". Para o jornal, foi uma Suíça "tão generosa quanto azarada" que se despediu do Mundial no Brasil, durante a partida de oitava de final.

Leia mais