1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Jan Ullrich e Deutsche Telekom se separam

O ciclista alemão Jan Ullrich, campeão olímpico de 2002 e vencedor da Volta da França de 1997, rescindiu seu contrato com a Deutsche Telekom. Ele está sendo cobiçado por vários times.

default

Jan Ullrich correndo com a camisa da Telekom, em 2001

As relações entre Ullrich, 28 anos, e a direção da equipe Telekom estavam abaladas desde o escândalo de doping de junho. O ciclista, que era o capitão da Telekom, estava fazendo tratamento de fisioterapia por causa de uma operação no joelho.

Ele confessou ter tomado anfetaminas numa boate, no dia 12 de junho, e foi suspenso em 6 de julho pelo tribunal esportivo da Federação Alemã de Ciclismo (BDR), até 23 de março de 2003.

Depois disso, a Telekom suspendeu Jan Ullrich e, finalmente, na quarta-feira (25/09), o chefe da equipe, Walter Godefroot, anunciou o rompimento definitivo do contrato que venceria apenas no final de 2003.

Antes de ser suspenso, Ullrich recebia um salário mensal de 120.000 euros. A Telekom queria modificar o contrato e pagar o ciclista em função do seu desempenho, o que teria levado ao desacordo.

Interesse da equipe CSC-Tiscali

A equipe dinamarquesa CSC-Tiscali, chefiada pelo ex-ciclista Bjarne Riis, está tentando contratar Jan Ullrich. Mas para isso, é preciso que ela encontre um novo patrocinador, pois a Tiscali quer diminuir sua participação.

Bjarne Riis foi capitão da equipe Telekom até 1996, ano em que venceu a Volta da França à frente de Jan Ullrich. Além da Tiscali, a equipe alemã Coast também demonstrou interesse por Ullrich.

Formado na ex-Alemanha Oriental

Jan Ullrich, nascido em Rostock, formou-se na eficiente escola de ciclismo da ex-Alemanha Oriental, tendo colecionado vários troféus como amador. Tornou-se ciclista profissional apenas em 1995, quando ingressou na equipe Telekom.

Foi campeão da Volta da França (1997), campeão da Volta da Espanha (1999), bicampeão mundial na corrida contra o relógio (1999 e 2001), campeão olímpico na prova de estrada e medalha de prata na corrida contra o relógio (2000, na Olimpíada de Sydney). Além disso, concluiu quatro vezes em segundo lugar a Volta da França (1996, 1998, 2000 e 2001).

Leia mais