Jan Assmann | Cultura europeia, dos clássicos da arte a novas tendências | DW | 25.11.2016
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Jan Assmann

As teses de Jan Assmann, professor de Egiptologia da Universidade de Heidelberg e de Ciência da Cultura da Universidade de Constança, já levantaram polêmicas consideráveis no meio acadêmico alemão.

O teórico alemão fala das relações ambíguas de Freud com a religião e aponta a "cegueira" do pai da psicanálise frente à "memória cultural". Assmann lembra que imagens violentas estão presentes, a partir daí, nos livros sagrados de cristãos, judeus, muçulmanos e de outras religiões monoteístas. Afastar essas "verdades absolutas" é, para ele, a única possibilidade de se aproximar verdadeiramente do Outro.