Jürgen Klopp: o simpático e emotivo técnico do Borussia Dortmund | Leia as principais notícias sobre o futebol internacional | DW | 02.08.2011
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futebol

Jürgen Klopp: o simpático e emotivo técnico do Borussia Dortmund

Campeão com o Borussia Dortmund, o treinador Jürgen Klopp conquistou os torcedores com seu estilo sincero e vibrante e sua competência técnica. Com ele no comando, uma nova geração de craques se criou no clube.

default

Klopp está no clube do Vale do Ruhr desde 2008

Simpático, paternal, camarada, estrategista – Jürgen Klopp incorpora todas essas qualidades e mais algumas: é também sincero e direto. "Aqui o futebol é o centro do mundo", disse numa entrevista, ao falar sobre o Borussia Dortmund. "Eu gostaria que, de um jogo, ficasse mais do que apenas o resultado."

No Vale do Ruhr ele é idolatrado pelas suas qualidades como técnico e também por dizer o que pensa. Mesmo quando surpreende, como, por exemplo, no momento da conquista do título de campeão alemão: "É uma sensação diferente da que eu imaginava. Mas quem sabe ela ainda venha", afirmou, sem demonstrar grande emoção, aquele que é um dos treinadores mais emotivos da Bundesliga.

Movido pela paixão

No momento de seu maior triunfo, "Kloppo" – como é carinhosamente chamado – mostrou um lado pouco conhecido: introspectivo, curtindo em silêncio a conquista da Bundesliga, o principal torneio de futebol do país.

Normalmente ele não é assim. "A paixão pelo futebol arde dentro de mim", declarou certa vez. E é isso o que ele demonstra quando está em campo. Caminha de um lado para o outro na lateral do gramado, gesticulando; ou corre para abraçar os jogadores no momento do gol, em explosões de alegria

Uma vez Klopp celebrou um gol pulando e vibrando sobre o muro da arquibancada, numa vitória do Borussia sobre o Colônia. Ele havia sido expulso de campo pelo juiz. O temperamento explosivo já lhe custou mais de 30 mil euros em multas por causa dos ataques de fúria contra os árbitros. Depois se arrepende, e diz que suas explosões de fúria são "dignas de pena".

Fußball Bundesliga Borussia Dortmund Hamburger SV

Klopp discute com um dos árbitros em uma partida da última Bundesliga

Sempre com tudo, sempre em frente – foi o que Klopp prometeu quando assumiu o posto de técnico do Borussia Dortmund, em julho de 2008. Mesmo vencendo por 1 a 0 a decisiva partida contra o Nürnberg, Klopp mandou o time jogar para frente. Os garotos não deveriam perder o pique, explicou o técnico. Após o apito final, ele concedeu meia semana de folga à equipe.

Criado no Mainz

Como jogador, Klopp foi apenas mediano. Não conseguiu passar da Segunda Divisão com o Mainz, clube pelo qual jogou de 1990 a 2001. Nesse mesmo ano, foi promovido a treinador da noite para o dia e livrou o Mainz do rebaixamento. Em 2004, classificou a equipe para a Primeira Divisão e, em seguida, graças ao critério de far-play, para a então Copa da Uefa.

Após 18 anos como jogador e treinador em Mainz, mudou-se para Dortmund em 2008. No Borussia, conseguiu ser bem-sucedido num dos maiores clubes da Alemanha. No primeiro ano por pouco não classificou a equipe para a Liga da Europa, o que alcançou em 2009. No ano seguinte, conquistou o título da Bundesliga no seu centésimo jogo pelo BVB.

Dortmund ist Meister 2011 Fußball Bundesliga Deutschland FLASH-GALERIE

O auge da carreira: Klopp comemora o título de 2011 com a equipe do Dortmund



Um bom negócio

Seu estilo de liderança é moderno, as suas equipes jogam para frente e seu discurso é contagiante. Até com a mídia Klopp se sai bem, jogando com ela um "futebol verbal" de alta velocidade e convencendo com seus conhecimentos futebolísticos e seu jeito autêntico.

Com ele como técnico, vários novos jogadores se destacaram no Dortmund e conseguiram espaço na seleção alemã: Mats Hummels, Kevin Grosskreutz, Marcel Schmelzer, Mario Götze e Sven Bender. Klopp sempre exigiu deles que dessem o máximo de si.

O diretor esportivo do Borussia, Michael Zorc, diz que Klopp foi sua melhor contratação até hoje. Juntos, Klopp, Zorc e o dirigente técnico Hans-Joachim Watzke formam uma equipe forte. "Trabalhamos muito bem juntos", diz Zorc.

BVB Tätowierung Meisterschale Jürgen Klopp

O torcedor Martin Hüschen tatuou o rosto de Klopp e o troféu da Bundesliga



O contrato de Klopp no Dortmund vai até 2014, mas ele já é um dos treinadores mais visados da Bundesliga. Até mesmo do arquirrival Schalke – atual campeão da Copa da Alemanha – ele recebeu cumprimentos, bem como do treinador da seleção alemã, Joachim Löw.

Klopp, que tem 44 anos e é formado em educação física, é frequentemente lembrado para suceder Löw no comando da equipe nacional.

Natural de Stuttgart, Klopp cresceu numa pequena comunidade na Floresta Negra. Mas, nos últimos tempos, não há torcedor do Borussia que não considere o técnico um autêntico cidadão do Vale do Ruhr. Um deles, Martin Hüschen, até mandou tatuar nas costas o rosto de Klopp, ao lado do troféu da Bundesliga – antes mesmo da conquista do título.

"Jürgen Klopp, você é o melhor", já cantou tantas vezes a torcida na arquibancada do estádio do Dortmund.

Autora: Olivia Fritz (lf)
Revisão: Alexandre Schossler

Leia mais