1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Italianos eliminam tchecos e ficam em primeiro no Grupo E

Seleção italiana vence por 2 a 0 e agora espera o segundo colocado do grupo do Brasil. Eliminação da favorita República Tcheca é uma das grandes surpresas da primeira fase.

default

Materazzi abriu o placar para a Itália, com gol de cabeça

A seleção da Itália derrotou a República Tcheca, vice-líder do ranking da Fifa, por 2 a 0, nesta quinta-feira (22/06) em Hamburgo, e se classificou em primeiro lugar no Grupo E para as oitavas-de-final.

A eliminação dos tchecos – que havia derrotado os EUA por 3 a 0 na estréia – surpreendeu muitos especialistas que os havia cotado como favoritos ao título.

Com a obrigação de ganhar para sobreviver na Copa, mas preocupada também com o que Gana e Estados Unidos fariam em Nurembergue, a República Tcheca começou buscando o ataque.

Nos primeiros 20 minutos, Nedved criou várias boas jogadas e tentou concluir algumas delas com chutes de longa distância. O atacante Baros, que substituiu o contundido Koller, esteve isolado no ataque e não conseguiu levar perigo ao gol de Buffon.

Invicta desde outubro de 2004 e precisando apenas de um empate para se classificar, a Itália iniciou mais tranqüila. Embora os tchecos tivessem tido mais posse de bola, Materazzi – que entrara no lugar de Nesta (contundido) – abriu o placar para os italianos aos 23 minutos, após cobrança de escanteio por Totti.

O gol chocou os tchecos, que não conseguiram mais recuperar o ímpeto inicial. Na segunda etapa, eles ainda se esforçaram, mas sentiram visivelmente a falta do grandalhão Koller, que se recupera de contusão na coxa direita. Rosicky, outro destaque na estréia, também andou sumido no jogo.

A quatro minutos do final do tempo regulamentar, Inzaghi aproveitou falha da zaga tcheca no meio-campo, avançou sozinho, driblou o goleiro Cech e fechou o placar. Com o resultado, a Itália terminou em primeiro lugar no Grupo E e pega o segundo colocado do Grupo F (o grupo do Brasil) nas oitvavas-de-final.

REPÚBLICA TCHECA 0 x 2 ITÁLIA

República Tcheca
Cech - Grygera, Jankulovski, Rozehnal e Jiranek - Galasek - Poborsky, Rosicky, Nedved e Polak
(Plasil) - Baros (Stajner)
Técnico: Karel Brückner

Itália
Buffon - Zambrotta, Nesta, Cannavaro e Zaccardo - Perrotta, Pirlo e Gattuso - Totti – Gilardino e Toni
Técnico: Marcelo Lippi

Data: 22/06/2006 (Quinta-feira)
Local: Estádio da Copa em Hamburgo
Árbitro: Benito Archundia (México)
Auxiliares: José Ramirez (México) e Hector Vergara (Canadá)
Cartões amarelos: Gattuso (I), Polak (R)
Cartão vermelho: Polak (R)
Gols: Materazzi, aos 23 min do primeiro tempo, Inzaghi, aos 41 min do segundo tempo








  • Data 22.06.2006
  • Autoria (gh)
  • Imprimir Imprimir a página
  • Link permanente http://p.dw.com/p/8f5D
  • Data 22.06.2006
  • Autoria (gh)
  • Imprimir Imprimir a página
  • Link permanente http://p.dw.com/p/8f5D