1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Irã e Nigéria fazem primeiro jogo sem gols da Copa

Em partida fraca tecnicamente pelo Grupo F, ambas as equipes saem de Curitiba com um ponto e as vaias do público. Foi o primeiro empate e o único confronto até aqui em que as redes não balançaram no Mundial.

Irã e Nigéria fizeram a partida, até aqui, mais fraca tecnicamente desta Copa do Mundo e não saíram do 0 a 0, nesta segunda-feira (16/06), na Arena da Baixada (Curitiba). Em jogo truncado pelo Grupo F, com poucas chances de gol, os nigerianos procuraram mais atacar, mas esbarraram nas próprias limitações e em um adversário com fechado em seu campo.

A Nigéria procurou dominar as ações do jogo, mas, apesar da ampla posse de bola, não criou mais do que cruzamentos na área. Ao todo, o campeão africano levantou 20 bolas, quase nunca com perigo para ao gol defendido por Haghighi. Os iranianos incomodaram a defesa nigeriana em contra-ataques esporádicos.

Fußball WM 2014 - Iran Nigeria Fans

Com este óculos, o torcedor queria ver gols, mas saiu decepcionado da Arena da Baixada

Os primeiros 30 minutos de jogo foram os melhores em Curitiba. Aos sete, a Nigéria teve corretamente um gol anulado, após falta no goleiro do Irã. No minuto seguinte, Onazi tem grande chance dentro da área, mas chutou para fora. Aos 33, a melhor oportunidade dos iranianos: após cobrança de escanteio, o único atacante, Ghoochannejad, obrigou o goleiro Eneyeama a fazer a única defesa difícil do confronto.

A qualidade da partida fez jus ao placar e às vaias do público após o apito final. O Irã enfrenta no próximo sábado (21/06) a Argentina, no Mineirão, e os nigerianos viajam até Cuiabá e jogam contra a Bósnia.

Ficha técnica

Irã 0 x 0 Nigéria

Local: Arena da Baixada, Curitiba

Arbitragem: Carlos Vera (Equador), auxiliado por seus compatriotas Christian Lescano e Byron Romero.

Cartões amarelos: Andranik Teymourian (29'/2T)

Irã: Alizera Haghighi; Jalal Hosseini, Amirhossein Sadeghi, Pejman Montazeri e Mehrdad Pooladi; Khosro Heydari (Masoud Shojaei 44'/2T), Andranik Teymourian, Javad Nekounam, Ashkan Dejagah (Alireza Jahanbakhsh 33'/2T), Ehsan Haji Safi; Reza Ghoochannejad. Técnico: Carlos Queiroz.

Nigéria: Vincent Enyeama; Efe Ambrose, Juwon Oshaniwa, Godfrey Oboabona (Joseph Yobo 29'/1T), Kenneth Omeruo; Ramon Azeez (Peter Odemwingie 24'/2T), Ogenyi Onazi, John Obi Mikel; Victor Moses (Shola Ameobi 7'/2T), Ahmed Musa e Emmanuel Emenike. Técnico: Stephen Keshi.

Leia mais