1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Ciência e Saúde

Inverno volta a assolar a Europa

Estradas bloqueadas, centenas de acidentes e aulas canceladas. Após uma breve pausa, o frio volta com força total à Europa, com nevascas e caos em boa parte do continente.

Após temperaturas de até 20 graus em algumas partes do país durante o fim de semana, o inverno retornou com força total à Alemanha no início desta semana. Em diversas regiões, a neve causou acidentes e congestionamentos nas estradas, caos no transporte público, além do fechamento de escolas.

No domingo, a Grã-Bretanha e a Escandinávia já haviam sofrido com as nevascas, que também chegaram à Bélgica e ao nordeste da França e estão agora se deslocando para o sul da Europa.

Nesta terça-feira, o Aeroporto de Frankfurt, o maior da Alemanha, chegou a ser parcialmente fechado por causa de uma forte nevasca. Centenas de voos foram cancelados ou suspensos. As atividades foram retomadas à tarde.

Vinda do norte do país, a neve também chegou ao estado da Renânia do Norte-Vestfália, onde ficam as cidades de Colônia, Düsseldorf e Bonn, nesta terça-feira.

No estado de Schleswig-Holstein, no norte da Alemanha, as aulas tiveram de ser interrompidas já na segunda-feira, deixando milhares de crianças em casa. Na mesma região, um acidente envolvendo cinco caminhões na rodovia A1, em Stormarn, nesta segunda-feira, deixou a estrada bloqueada por várias horas, resultando num enorme engarrafamento.

Em Rostock, no estado de Mecklemburgo-Pomerânia Ocidental, também no norte do país, 160 passageiros ficaram retidos no aeroporto no domingo à noite, em razão do cancelamento de um voo para Anatólia, na Turquia. Devido às más condições do tempo, os passageiros tiveram que esperar até a manhã seguinte para poder viajar.

Na região da Baixa Saxônia, no noroeste alemão, centenas de acidentes foram registrados nas estradas. No distrito de Harburg, em torno de 32 mil alunos não puderam ir às aulas. "A nevasca ininterrupta não permitiu que nosso serviços deixassem as ruas seguras para o tráfego", afirmou um funcionário da administração municipal.

Apenas na região de Hannover o número de acidentes chegou a 150, deixando seis feridos. O departamento de polícia da região de Braunschweig registrou cerca de 200 colisões, todas sem vítimas fatais.

Nesta terça-feira a frente fria deverá chegar ao sul alemão e na quarta-feira deverá se estender até os Alpes. Também a Polônia e outras partes do leste do continente serão atingidas.

Centenas de acidentes ocorreram nas rodovias alemãs

Centenas de acidentes ocorreram nas rodovias alemãs

RC/dpa/afp