1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Indústria automobilística impulsiona arquitetura alemã

Talvez por serem muito ricos, talvez por serem muito rápidos. São os fabricantes de automóveis que realizam os mais ousados e inovadores exemplos da arquitetura contemporânea na Alemanha.

default

Mundo BMW em Munique

Seja Porsche, BMW ou Mercedes-Benz, não importa a marca. Parece até que, na Alemanha, a maior disputa entre os fabricantes de automóveis não se faz nas estradas, mas nos canteiros de obras.

A inauguração do prédio central da fábrica da BMW em Leipzig no ano de 2005, projetado pela arquiteta iraquiana Zaha Hadid, marcou o início de uma tendência que parece ter influenciado outras marcas a repetir o sucesso do empreendimento que acabou ganhando o Prêmio Alemão da Arquitetura do ano passado.

A série de prédios, já inaugurados ou por serem abertos, confirma esta corrida entre as diversas marcas automobilísticas, onde todos ganham: a população, a indústria, a cidade e principalmente a arquitetura, já que se tratam de edifícios projetados pelos mais inovadores arquitetos da atualidade: Ben van Berkel, Zaha Hadid e Coop Himmelblau.

Assim como no início da arquitetura moderna, é a indústria que dá o primeiro passo para a introdução desta nova arquitetura. Uma arquitetura que é difícil de definir. Alguns a chamam de "neobarroco", outros a classificam como reação a um minimalismo ainda em voga. A levar pelo concreto, curvas e pela sensualidade que a caracterizam, Oscar Niemeyer nunca esteve tão atual.

Em Leipzig, Munique ou Stuttgart, mesmo sem ter vindo assistir aos jogos da Copa, vale a pena visitar estes belos exemplos de arquitetura.

Prédio central da fábrica da BMW em Leipzig

Architektur BMW-Werk in Leipzig

Prédio central da fábrica da BMW, em Leipzig

O projeto da mais famosa arquiteta da atualidade, a iraquiana Zaha Hadid, ganhou o concurso, realizado em 2002, para o edifício central da fábrica da BMW em Leipzig, cidade da Copa localizada no Estado da Saxônia, Leste alemão.

O prédio, onde se localiza o centro administrativo da fábrica, funciona como eixo ao redor do qual circulam os demais setores da produção: carroceria, pintura e montagem. O projeto foi inaugurado em maio de 2005 e recebeu o Prêmio Alemão de Arquitetura, distinção máxima da arquitetura alemã, no mesmo ano.

Museu da Mercedes-Benz em Stuttgart

Mercedes-Benz Museum in Stuttgart

Ampliação do museu da Mercedes em Stuttgart

A capital do Estado de Baden-Württemberg, também cidade da Copa, acaba de ganhar da DaimlerChrysler o edifício mais festejado de 2006: o novo Museu da Mercedes-Benz.

Ben van Berkel é o nome do arquiteto holandês vencedor do concurso arquitetônico do prédio sem paredes internas e sem pisos planos. O visitante é conduzido por um elevador a começar um passeio, de cima para baixo, pela história dos automóveis através de rampas que formam, em planta baixa, uma hélice dupla que lembra o DNA humano, segundo afirma o arquiteto.

Paredes de concreto e 1800 esquadrias diferentes compõem os materiais do novo edifício, que tem tudo para tornar-se, como o seu antecessor, o museu de empresa mais visitado do mundo. O projeto de 150 milhões de euros, inaugurado na sexta-feira (19/05), vem a ampliar o museu já existente, cujo acervo de carros, por motivos de espaço, só ia até 1970.

Museu da Porsche em Stuttgart

Das neue Automobilmuseum von Porsche in Stuttgart

Também a Porsche terá um novo museu

O exemplo da DaimlerChrysler parece ter feito escola. A Porsche, cuja sede também se localiza em Stuttgart, resolveu ampliar seu museu de automóveis. O projeto de 50 milhões de dólares será inaugurado em 2007 e deverá atrair, anualmente, mais de 200 mil visitantes.

O escritório austríaco de Delugan Meissl foi o vencedor do concurso para o novo museu. O projeto foi escolhido por sua qualidade escultural e por ter contribuído para destacar a Praça da Porsche, localizada em frente ao prédio.

Mundo BMW em Munique

BMW-Welt in München Panorama

Mundo BMW será inaugurado em 2007

O júri do concurso para o prédio do Mundo BMW acertou em cheio ao escolher o projeto do escritório Coop Himmelblau, estrela-mor da arquitetura austríaca, na construção do centro de comunicação e entrega de automóveis da BMW em Munique.

Localizado nas proximidades do Parque Olímpico e da sede da firma em Munique, o Mundo BMW é o cartão de apresentação da montadora bávara. Além de alojar eventos, concertos e exposições, é lá que futuramente o cliente irá apanhar seu novo carro.

"Uma nuvem" é como o arquiteto Wolf Prix, um dos autores do projeto, denominou o imenso pavilhão com cobertas esculturais, apoiadas por um cone duplo. Para Prix, o Mundo BMW concretizou seu sonho de uma "arquitetura voadora".

Leia mais