1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Imprensa espanhola celebra vaga na final e sonha com Maracanazo

Numa difícil partida contra a Itália, a "sorte dos campeões esteve com a Espanha", afirma a imprensa espanhola, que sonha com uma final épica contra o Brasil e um novo Maracanazo.

A imprensa espanhola reconheceu as dificuldades que a equipe nacional teve para superar a Itália, nos pênaltis, nesta quinta-feira (27/06) em Fortaleza. "A sorte dos campeões esteve com a Espanha", escreveu o diário Sport, acrescentando que agora o desafio é ganhar do Brasil em sua própria casa.

O tradicional El País traz em seu caderno de esportes a seguinte manchete: "A Espanha não tem ponto final". O texto discorre sobre a superioridade do futebol espanhol, que, mesmo no limite físico dos jogadores, conseguiu mais uma vez alcançar uma final, a quarta das últimas cinco possíveis.

"Esta Espanha, fascinante ou sofredora, não tem ponto final. Ao menos até o Maracanã, onde não poucos forjaram suas lendas e onde, em caso de derrota, em um ano terá uma segunda chance", afirma o jornal.

O diário espanhol afirma ainda que, "com um grande futebol contra o Uruguai e sem brilho, mas com os dentes cerrados contra uma ossuda Itália, [a Espanha] já está onde sonhava: no Maracanã e diante do Brasil, cuja torcida voltou a externar claramente sua preferência indissimulada por todo adversário espanhol. Uma homenagem à equipe que se teme."

O jornal esportivo As escreve que "essa foi a vitória mais angustiante do ciclo", afirmando que o jogo foi distinto de tantas outras partidas da Espanha, "jogadas com uma superioridade que às vezes nos resultara monótona".

O As tece elogios ao goleiro Iker Casillas, chamado de herói por "três defesas milagrosas no primeiro tempo, que mantiveram viva a seleção de Del Bosque".

Já o jornal Marca lembrou o "descomunal esforço físico numa partida vibrante, que poderia ter sido vencida pelos dois".

O Mundo Deportivo afirma que a final contra o Brasil será épica e que a seleção espanhola tem condições de protagonizar um novo Maracanazo.

DTP/dpa

Leia mais