1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futebol

Imprensa alemã critica apelo de Ronaldo para "secar" Klose

Jornais do país classificam brincadeira de ex-jogador durante festa em Fortaleza como "inusitada". Atacante alemão tem 14 gols em Mundiais, um a menos que o recorde histórico registrado pelo Fenômeno.

O ex-jogador Ronaldo foi criticado na mídia alemã nesta segunda-feira (09/06) por ter pedido em Fortaleza para a torcida local "secar" o atacante alemão Miroslav Klose, que tem 14 gols em Copa e pode alcançar os 15 gols que atualmente garantem ao brasileiro o posto de maior artilheiro da história dos Mundiais.

"Que sujeira é essa?" questiona o site do tabloide Bild. "Ronaldo torce para Klose se machucar", intitula o diário sensacionalista, citando o pedido do Fenômeno aos cearenses. Klose comemora seu aniversário de 36 anos exatamente nesta segunda-feira.

"Vocês vão ser muito importantes, porque a Alemanha vai jogar aqui. Então, se vocês puderem dar uma secadinha no Klose, vai ser muito bom", disse o ex-jogador no palco, diante de um público de mais de 20 mil pessoas.

Superstição

Membro do Comitê Organizador Local (COL) da Copa, Ronaldo participava como convidado de honra da inauguração do Fan Fest, área pública para exibição dos jogos da Copa em telão na Praia de Iracema. A seleção alemã joga na capital cearense contra Gana, no dia 21 de junho.

Miroslav Klose Fußball Deutschland-Chile

Klose: aniversariante desta segunda-feira pode quebrar recorde de Ronaldo

O site do jornal Die Zeit também deu destaque ao assunto e classificou o pedido de Ronaldo de "inusitado". A agência de notícias alemã DPA afirmou que Ronaldo desejou "azar" para Klose e que ele pediu aos torcedores que "ponham mau olhado" no alemão, destacando que "superstição é algo muito difundido no Brasil".

O ex-craque brasileiro tem chamado atenção nos últimos tempos por uma série de comentários controversos. O último deles foi durante um debate promovido pelo jornal Folha de São Paulo no fim do mês passado. Na ocasião, o Fenômeno disse ser preciso "baixar o cacete" nos vândalos, em protestos durante a Copa do Mundo. "Sobre os vândalos, acho que tem que baixar o cacete neles, tirá-los da rua, prendê-los", defendeu.