1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Igrejas cristãs não fazem parte da vida dos jovens

Trabalho de pesquisador alemão mostra que os adolescentes não dão mais valor aos ensinamentos religiosos.

default

Coral infantil de igreja luterana

A religião se tornou algo sem importância alguma no cotidiano dos jovens alemães. Este foi o resultado do trabalho de pesquisa de um berlinense especialista em adolescentes. Richard Münchmeier acredita que o papel desempenhado pela religião na vida dos adolescentes é praticamente nulo nos dias de hoje.

Segundo o especialista, os jovens só se apegam a alguma religião em situações extremas, como morte e crises. Münchmeier revelou que os jovens acreditam mais em algo superior ou uma corte suprema do que na figura de Jesus Cristo propriamente.

De acordo com o trabalho de Münchmeier, as Igrejas cristãs não têm a menor chance com os adolescentes. O maior contato com a religião se dá nas escolas, onde o estudo faz parte da grade curricular, mas a grande maioria dos jovens entrevistados afirmaram não prestar atenção na matéria.

A pesquisa feita com 4.500 jovens em todo o país mostrou que as crenças estão se tornando algo cada vez mais particular na vida dos adolescentes. A fé pessoal desempenha um papel mais importante dos que os dogmas das religiões. A maioria dos entrevistados declararam ser contra os posicionamentos da igreja quanto as questões sobre homossexualismo, papel da mulher na sociedade e sexualidade.

Richard Münchmeier apontou como surpreendente os valores dados pelos jovens à família e ao trabalho. "Segurança, tranqüilidade e autonomia são as palavras-chave dos adolescentes", disse o cientista.

Links externos