1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Ciência e Saúde

Hora do Planeta deixa no escuro pontos turísticos ao redor do planeta

Evento promove que apagão em monumentos em diversas cidades durante uma hora. Campanha visa chamar atenção para o aquecimento global. No Brasil, 122 municípios participam da iniciativa.

default

O Estádio Nacional de Pequim foi um dos monumentos que aderiram à iniciativa

Pontos turísticos do mundo inteiro ficam às escuras neste sábado (29/03) para celebrar a Hora do Planeta, campanha mundial contra o aquecimento global. O apagão já passou pela Ásia. Durante uma hora, o Estádio Nacional de Pequim, o centro financeiro de Xangai, de Sidney e vários monumentos na Nova Zelândia, Índia, Tailândia, Japão e Malásia apagaram suas luzes.

Esta é a oitava edição do evento, organizado pela organização ambientalista WWF. Neste ano, mais de 150 países aderiram à campanha. O apagão é programado para acontecer sempre das 20h30 às 21h30 do horário local.

Na Europa, monumentos como o Castelo de Edimburgo, a Torre Eifel, o Portão de Brandemburgo, a Catedral de Colônia, o Palácio de Buckingham e o Coliseu aderiram à iniciativa.

O apagão foi programado para atingir outras atrações turísticas, como o Empire State Building, em Nova York, as pirâmides do Egito e o Kremlin, em Moscou.

A Hora do Planeta também é realizada no Brasil. Ao todo, 122 cidades brasileiras participam da ação. Neste ano, Belo Horizonte foi eleita a capital nacional da campanha. Esta é a sexta edição do evento no país.

CN/afp/lusa/ebc

Leia mais