1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Sua Opinião

HERMANN HESSE É SUCESSO NÃO APENAS NA ALEMANHA

Os temas comentados por nossos usuários esta semana foram: o sucesso de Hermann Hesse, polícia alemã utiliza Facebook em suas investigações, sistema elétrico brasileiro, a obra de Karl May e desperdício de alimentos.

Entrei em contato com os livros de Herman Hesse quando cursava a universidade. Ali por influência dos professores que recomendavam a leitura de seus livros, comecei a ler um de seus livros chamado O lobo da estepe. Esta primeira leitura foi suficiente para me abrir, simpatizar com o autor e ler outros livros. Para mim, diferentemente de outros autores, Hesse tratava de assuntos que prendiam à leitura. Infalivelmente começando uma obra se vai até o seu final.

A leitura nos amarra, nos atrai e empolga. Seu pensamento expresso nos textos de seus livros marcou e continua marcando milhares de jovens que se empolgam com a leitura de suas obras. Sem dúvida que o sucesso atual de suas obras nos EUA e países árabes confirma o quanto seus escritos são importantes.
Odalberto Domingos Casonatto

POLÍCIA ALEMÃ USA O FACEBOOK PARA SOLUCIONAR CRIMES

Olá amigos da DW, eu nunca participei de redes sociais de nenhuma espécie nem no Google, nem no LinkedIn. Também é verdade que tive o meu e-mail divulgado pela CRI da China, mas não me exponho em meus comentários, se muito, digo que sou advogado e filósofo mas por ter enviado, em décadas passadas, os meus dados a uma dezena de emissoras internacionais (naquela época não havia computador) por meio de cartas ficará a critério desses departamentos divulgar ou não meus dados pessoais. O Facebook vem sendo utilizado para os mais diversos fins que não o idealizado pelo seu criador, como no caso de acesso a emprego, e por aí vai. Entendo que a "POLIZEI" deve usar de procedimentos legais e não de uma "rede de alcagoetas ".
Francisco Carlos Marrocos

SISTEMA ELÉTRICO BRASILEIRO

É de suma importância a participação das multinacionais alemãs no desenvolvimento de tecnologia em Sistema Elétrico de Potência dentro do território brasileiro, já que perspectivas de necessidade do crescimento do sistema elétrico brasileiro apontam para este norte. Vejo com bons olhos a necessidade de ambas as partes, sendo possível a busca por soluções a curto, médio e longo prazo. Isso de certa forma equalizará certas situações vividas por ambas no momento. Trabalho em uma grande empresa de transmissão de energia elétrica e com prazer acompanhamos a implantação de equipamentos alemães que atendam a tais necessidades.
Marcos Radtke

KARL MAY CONTINUA CONQUISTANDO GERAÇÕES

Meus primeiros contatos com as obras de Karl May foram na minha infância. Encontrei na biblioteca do colégio os volumes de Winnetou. Comecei a ler um depois do outro, para mim a grande novidade é que quando começava a ler não parava mais. Foi isto que me atraiu na leitura de suas obras. Sabor de aventuras e texto magnífico prendiam o meu imaginário de adolescente. Depois na biblioteca do Exército de minha cidade, encontrei a coleção completa de suas obras. Isto me fascinou. Mas não parou por aí, o cinema começou a apresentar seus filmes, e começaram os filmes Winnetou I, II etc.

Não perdia um matinê, com seus filmes. Eram empolgantes, ainda mais que já tinha lido seus livros. Só mais tarde fui descobrindo particularidades da vida de Karl May, a primeira descoberta foi aquela que Karl May escreveu sobre o faroeste americano sem jamais ter estado lá. Mas nem por isso perdi a empolgação por Karl May. Suas obras ainda hoje povoam meu imaginário. Sem sombras de dúvida, embora já passaram cem anos de sua morte, o criador de Winnetou e Old Shatterhand continua conquistando gerações. Com carinho guardo na prateleira de livros suas obras.
Odalberto Domingos Casonatto

ALEMANHA ENFRENTA O PROBLEMA DE DESPERDÍCIO DE ALIMENTOS

Lendo a matéria ocorreu a lembrança de que no interior do Brasil, em sua parte rural, fazendas cultuam a tradição de transformar em poços hermeticamente fechados quantidades enormes de restos de animais. Isto, para a produção de gás para consumo. A ampliação de práticas como esta, nas cidades, para várias utilidades é muito bem-vinda. Contrariando o que este jornal expôs, o desperdício de alimentos não é uma prática em especial dos países ricos. No Brasil há uma quantidade gigantesca deste desperdício em todas as cidades, a se concentrarem nos lixões das mesmas...

Referente à utilização de espaços agrícolas para a produção do etanol, a opinião de que é terra gasta desnecessária não tem fundamentos. Isto não tem lógica. Ainda há muita terra a ser utilizada no Brasil e as que são, com melhores formas de plantio, realmente aproveitadas. Isso gera uma independência maior dos combustíveis fósseis e ajuda nas grandes cidades, devido à mistura que fazemos na gasolina e o uso puro do etanol, a melhorar a qualidade do ar, preservando o meio ambiente. Todas as formas de produção de energia são bem-vindas. Mas é principalmente notável quando reaproveitam materiais que se não utilizados estariam totalmente não utilizados.
Marcílio F. da Costa Pereira

Leia mais