1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Turismo

Haus der Geschichte: viagem pela história alemã

Museu harmoniza tecnologia e objetos antigos para proporcionar um relato completo da história mais recente da Alemanha. A exposição começa em 1945 e traça um panorama completo do país desde o pós-guerra.

default

O prédio que abriga o museu é projeto dos arquitetos Ingeborg e Hartmut Rüdiger, e foi construído em 1985

Para os amantes da história, a Alemanha é parada obrigatória. Lugares como Berlim, Munique e Trier fazem qualquer um se sentir privilegiado ao estar em locais onde tanta coisa importante aconteceu. Mas a enorme gama de alternativas que o país oferece pode ser um problema para o turista: para onde ir? por onde começar?

Quem não pode passar muito tempo no país, no entanto, tem uma alternativa. A Haus der Geschichte der Bundesrepublik Deutschland (Casa da História da República Federal da Alemanha) em Bonn remonta de maneira inteligente, versátil e atraente toda a história do país a partir de 1945. O local tem exibições permanentes, temporárias, virtuais e itinerantes. Lá, o visitante pode ver, ouvir e ler partes de uma história que até hoje impressiona o mudo todo. São três andares de uma narrativa muito bem construída.

Ausstellung Heimat und Exil in der Haus der Geschichte in Bonn

'Pátria e Exílio' foi uma das exposições temporárias da Haus der Geschichte

Acervo

Desde que começou a coleção em 1986, a Haus der Geschichte registra entre 500 e mil novas aquisições a cada mês. O acervo é organizado em 13 categorias e 67 subcategorias. Em 2005, o museu já contava com 380 mil itens. Tem de tudo: imagens, fotos, documentos, objetos, livros e ambientes reconstruídos.

Assim, o local conserva a memória alemã e propõe aos visitantes uma viagem no tempo, passando por temas como política, economia, pós-guerra, desenvolvimento tecnológico, Alemanha dividida, manifestações culturais, movimentos estudantis e vida social.

A exposição permanente é dividida em épocas. O visitante pode começar conhecendo os resquícios da Segunda Guerra Mundial. Aqui merece destaque a forma como o conflito é retratado. As pessoas podem entender a mentalidade e as condições de vida dos soldados daquela época, assim como a realidade das vítimas do nazismo.

Quem continua o passeio, passa ainda pela Alemanha dividida, as dificuldades econômicas que se seguiram à guerra, a reconstrução do país, as disputas partidárias, a integração à União Européia, desembocando no cenário político que levou Angela Merkel à chefia do governo em 2005 pela CDU (União Democrata Cristã).

Objetos do dia-a-dia compõem a história

Mas nem só de política e economia é composto o acervo da Haus der Geschichte. Quem visita o local se sente estimulado a entender a história alemã pelas diversas perspectivas sociais que marcaram estes anos. Cada espaço é pensado e adaptado para que o visitante conheça detalhes da vida da população e assim compreenda a situação geral da Alemanha através do tempo.

Reproduções de um consultório médico, de uma cozinha, de quartos, do interior de um avião e do Parlamento em Berlim são exemplos da forma como a coleção está organizada. Para compor estes ambientes, o museu conta com utensílios como artigos de cozinha antigos, roupas que fizeram moda, alimentos enlatados vendidos nos mercados, eletrodomésticos, carros e livros.

Objetos que marcaram época e hoje são considerados valiosos também não são raros. Na Haus der Geschichte há dois pedaços do Muro de Berlim, que são exibidos ao lado de um vídeo que mostra sua queda. Outra relíquia é o pulôver e o banco de madeira bruta utilizado por Mikhail Gorbatchov em visita à Alemanha.

Os 40 anos de divisão entre Alemanha Oriental e Ocidental também estão bem destacados. Ao andar pelo museu, o visitante consegue compreender a mentalidade das duas sociedades. É possível conhecer a literatura, a arquitetura e a política dos dois lados.

Michael Gorbatschow im Haus der Geschichte in Bonn

Mikhail Gorbatchov visita a Haus der Geschichte e reproduz foto exposta no museu

Mídia ganha destaque

Os meios de comunicação também auxiliam a narrativa da Haus der Geschichte. A cada etapa da história, há jornais que marcaram época. As manchetes relatam os acontecimentos mais importantes, nas palavras de quem viveu aqueles anos. O cinema, a TV, o rádio e a fotografia também não ficam para trás. Tanto que há uma sessão só dedicada a eles e uma pequena sala de cinema onde o visitante pode assistir a filmes antigos.

A Haus der Geschichte é um espaço completamente multimídia. Todos os ambientes são estilizados e compostos de acordo com o tema. Em alguns momentos, as pessoas podem interagir por meio de computadores. Em outros acompanham notícias, entrevistas e narrativas por meio de áudio e vídeo. Tudo para que o visitante não apenas veja a história alemã, mas viva um pouco destes últimos 62 anos do país. (jc)

A Haus der Geschichte fica na Willy-Brandt-Allee 14, 53113, Museumsmeile (Centro de Museus), Bonn. O local fica aberto de terça-feira a domingo, das 9h às 19h. A entrada é franca.

Leia mais