1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Hamburgo demite técnico

Presidente do Borussia Dortmund renuncia. Stuttgart assume liderança do Campeonato Alemão. Bayern de Munique é derrotado em casa. Wolfsburg perde clássico e liderança.

default

O Schalke 04 de Ailton (e) levou a melhor contra time de Lúcio

Depois de uma pausa de quinze dias nos gramados alemães, a oitava rodada da Bundesliga 2004/2005, disputada neste fim de semana, apresentou surpresas dentro e fora de campo.

Em Munique, o ensaio geral do Bayern para o jogo desta terça-feira (19/10) contra a Juventus de Turim pela Liga dos Campeões foi um fiasco. A equipe do técnico Felix Magath perdeu de 1 a 0 para o Schalke 04. O único gol da partida foi marcado pelo melhor jogador em campo, o atacante Gerald Asamoah, da seleção alemã. A primeira vitória do Schalke fora de casa nesta temporada poderia até ter sido mais folgada, se Ailton não tivesse desperdiçado uma excelente chance de gol, ao tentar enfeitar contra o goleiro Kahn, do Bayern de Munique.

Como o Bayern de Munique, também o Bayer Leverkusen voltou a decepcionar, na derrota de 3 a 1 para o Hertha Berlim. Enquanto a equipe dos brasileiros Gilberto e Marcelinho Paraíba (autores de dois dos três gols) sobe na tabela, o Leverkusen vai aos solavancos, alternando jogos brilhantes com partidas catastróficas. Como teste para o jogo desta terça-feira (19/10) contra o Roma pela Liga dos Campeões, a partida em Berlim foi um fracasso total para o Leverkusen.

Toppmöller é demitido

Klaus Toppmöller

Klaus Toppmöller treinou o Hamburgo durante um ano

O Hamburgo, um dos clubes fundadores da Bundesliga, caiu para a lanterna do campeonato, ao perder de 2 a 0 para o Arminia Bielefeld. Foi a sexta derrota do time hamburguês em oito jogos disputados na atual temporada. A direção do clube reagiu na madrugada deste domingo (17/10), demitindo o técnico Klaus Toppmöller e seu auxiliar Werner Melzer.

“Os resultados e a nossa posição na tabela não nos deixaram outra alternativa”, disse o diretor esportivo, Dietmar Beiersdorfer. Até o final do certame, a equipe será treinada por Thomas Doll, ex-jogador da seleção alemã, que até agora era técnico do time amador do Hamburgo, líder da terceira divisão. Toppmöller, que estava no cargo há um ano, foi o segundo treinador demitido nesta temporada, depois de Jupp Heynkes, afastado pelo Schalke 04 em meados de setembro.

Presidente do Borussia Dortmund anuncia renúncia

Flavio Conceicao und Gerd Niebaum

Gerd Niebaum (e) na apresentação de Flávio Conceição em 2003

Um jogo cercado de muita expectativa foi o confronto Stuttgart x Borussia Dortmund, no sábado (16/10). O técnico do Stuttgart, Matthias Sammer, reencontrou seu ex-clube, o Borussia, abalado por uma crise financeira e administrativa. No gramado, o time de Evanílson, Éwerthon e Thiago não conseguiu camuflar a triste realidade do clube e perdeu de 2 a 0. O Borussia não vence há seis rodadas, ao contrário do Stuttgart, que assumiu a liderança do campeonato. Evanílson contundiu novamente o joelho que já havia operado e deverá desfalcar a equipe por três a quatro meses.

Fora de campo, há sinais de mudança. O presidente do Borussia Dortmund, Gerd Niebaum, cedeu à pressão dos críticos e anunciou que vai renunciar ao cargo na Assembléia Geral do clube, no dia 14 de novembro. Ele deverá ser sucedido por Reinhard Rauball, que também foi seu antecessor. Cotado na Bolsa de Valores de Frankfurt, o Borussia acumula dívidas de 118 milhões de euros. Segundo denúncia da revista Der Spiegel, Niebaum teria “enchido os próprios bolsos”. Sua renúncia será “apenas parcial”, pois pretende continuar integrando a diretoria do clube.

Mainz é a zebra do campeonato

O Mainz 05, que subiu da segunda divisão, é a grande zebra desta temporada na Bundesliga. Neste final de semana, derrotou o campeão Werder Bremen, de virada, por 2 a 1. Invicto há sete jogos, o Mainz surpreendentemente ocupa o terceiro lugar na tabela, à frente até do Bayern de Munique.

Ainda no sábado, o Nürnberg, que voltou à primeira divisão este ano, goleou o Freiburg por 3 a 0. Já o Rostock ganhou de 1 a 0 do Bochum, que se aproxima da zona de rebaixamento.

Borussia Mönchengladbach ganha com gol de mão

No jogo Borussia Mönchengladbach contra Kaiserslautern (domingo, 17/10), a vedete foi o juiz Uwe Kemmpling, que não viu mão no gol marcado a soco pelo centro-avante do Mönchengladbach, Oliver Neuville. Antes deste lance, Kemmpling já havia reduzido as duas equipes a dez jogadores cada, com as expulsões de Grammozis e Korzynietz. A vitória discutível do Borussia por 2 a 0 complicou a situação do técnico Kurt Jara, do Kaiserslautern, cada vez mais criticado pela torcida.

Na segunda partida de domingo, o Hannover 96 conseguiu barrar a forte equipe do Wolfsburg, derrotando-a por 2 a 0. O destaque do jogo foi Sílvio Schrötter (ex-jogador do Cottbus), que substituiu o atacante Barnettas (contundido) e marcou os dois gols da vitória. O Wolfsburg lutou até o fim, mas não conseguiu impedir sua primeira derrota fora de casa nesta temporada.

Leia mais