1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Guga vence mais uma em Hamburgo

Brasileiro cumpre sua meta e diz aproximar-se da sua melhor forma. Thomas Haas também ganha e sai aplaudido pelo público de sua terra natal. Líder da Corrida dos Campeões perde, assim como demais alemães.

default

Kuerten rebate uma bola no vitorioso duelo com o romeno Pavel

Gustavo Kuerten e Thomas Haas seguem na trilha da vitória no torneio de Hamburgo da série Masters da ATP. O brasileiro não deu chance ao romeno Andrei Pavel, apesar do tie-break no segundo set (6/3, 7/6). Já cumprida sua modesta meta de ganhar uma ou duas partidas em Hamburgo, Guga quer agora mostrar evolução.

"Se eu vencer mais duas, então estarei novamente próximo à minha melhor forma. Estou ficando melhor a cada vitória", disse o campeão do torneio de Hamburgo de 2000, que enfrenta, nas oitavas-de-final, o argentino Guillermo Canas.

Prata da casa – Doze meses depois de vaiado ao ser eliminado na segunda rodada do torneio no ano passado, Haas parece ter reconquistado a confiança do público de sua terra natal. Nascido em Hamburgo e residente na Flórida, o melhor tenista da Alemanha também classificou-se, pela primeira vez desde 1999, para as oitavas-de-final. Diante de 10 mil espectadores, Haas liqüidou o holandês Sjeng Schalken por 7/5 e 6/3.

"Não há torneio em que eu fique mais nervoso do que aqui. Afinal, foram nestas quadras que minha carreira decolou, há cinco anos, quando cheguei às semifinais", afirmou o alemão. O vice-líder do ranking mundial de entradas dominou a partida, embora no primeiro set tenha permitido Schalke empatar em 5/5, após ter aberto uma vantagem de 4/1. No segundo set, Haas fechou o placar logo no primeiro matchball. O alemão tem agora pela frente o espanhol Tommy Robredo.

Haas segue como único alemão no torneio. Rainer Schüttler perdeu para o americano Andy Roddick (dois sets de 6/4), assim como Björn Phau para o australiano Lleyton Hewitt, líder do ranking mundial (dois sets de 6/3).

Qualificante melhor que líder – A grande surpresa desta quarta-feira foi a eliminação do líder da Corrida dos Campeões. O sueco Thomas Johansson foi derrotado pelo argentino Mariano Zabaleta, que participa do torneio vindo das partidas de qualificação. Especialista em quadra de saibro, o sul-americano conseguiu, porém, impor-se e vencer por 6/4 e 6/2. Em sua estréia, ele já surpreendera ao despachar o francês Arnaud Clement. Seu próximo adversário será o bielo-russo Max Mirnyi, que ganhou, em dois sets com tie-breaks, do espanhol Carlos Moya.

Links externos