1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Guga e Haas estréiam nesta terça no Masters de Hamburgo

Muitas surpresas no primeiro dia de partidas. Três favoritos derrotados. Participação de Agassi cancelada. Meligeni substitui.

default

Phau rebate uma bola de Portas em sua inesperada vitória sobre o campeão de 2001

O torneio de Hamburgo da série Masters da ATP começou com muitas surpresas e tem grandes atrações para esta terça-feira. O que ninguém esperava era a eliminação do espanhol Albert Portas pelo alemão Björn Phau, de 22 anos. Em dois sets (6/4, 6/2), o aluno de Boris Becker, que participa como convidado com um wildcard, despachou o campeão do ano passado em 83 minutos.

A alegria do alemão 162º colocado na Corrida dos Campeões não deve passar, porém, da segunda etapa, quando enfrentará o australiano Lleyton Hewitt, líder do ranking mundial e que derrotou nesta segunda outro alemão, Philipp Kohlschreiber por 7/5, 6/4.

Portas não foi o único favorito a despedir-se na estréia. O americano Pete Sampras não resistiu ao bielo-russo Max Mirnyi (6/3, 6/4), assim como Ievgueni Kafelnikov (Rússia) ao espanhol Alex Corretja (6/1, 6/2).

Outra perda do torneio foi a desistência do também americano Andre Agassi, de 32 anos. O marido de Steffi Graf comunicou apenas nesta segunda-feira que não jogará, alegando que a conquista do torneio de Roma, no domingo, obrigou-o a mudar seus planos. Agassi será multado em 40 mil dólares pelo aviso em cima da hora. O beneficiado pela ausência de Agassi foi o brasileiro Fernando Meligeni. Ele enfrentará o espanhol David Sanchez.

Guga espera vencer apenas uma ou duas partidas

Gustavo Kuerten também estréia nesta terça-feira, contra Nicolas Kiefer, que atravessa péssima fase, após ter sido o melhor tenista da Alemanha há 1,5 ano. "Vai ser interessante jogar contra ele. Será mais divertido do que contra um outro, pois haverá um bom clima da quadra", avalia Guga, referindo-se à presença da torcida local.

No entanto, o brasileiro não alimenta esperanças de ganhar o torneio. "Não estou no melhor da minha forma. Honestamente, não acho que possa vencer. Treinei com alguns dos outros garotos e eles estão melhor. Estou ainda retornando às quadras e espero estar pronto de novo em dois meses. Neste momento, toda partida será um teste importante para mim. Espero poder ganhar uma ou duas partidas aqui e jogar bem", declarou o atual sétimo colocado do ranking mundial.

Apesar de ter disputado a final de Roma contra o desistente Agassi, o alemão Thomas Haas confirmou sua presença em Hamburgo e estréia num duelo nacional contra Lars Burgsmüller.

Leia mais

Links externos