1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Governo dos EUA suspeita de "novo Snowden"

Artigo publicado por Glenn Greenwald cita documento secreto datado de agosto de 2013, quando o ex-analista da NSA Edward Snowden já não estava mais nos Estados Unidos.

O governo dos EUA acredita existir outro delator como o antigo analista da Agência de Segurança Nacional (NSA) Edward Snowden, segundo declarações de funcionários do governo à emissora CNN.

Segundo a CNN, a prova seria um artigo publicado nesta terça-feira (05/08) pelo site The Intercept, um portal de notícias lançado pelo jornalista Glenn Greenwald, que também publicou revelações de Snowden.

O artigo aborda o aumento do número de terroristas – conhecidos ou supostos – nas bases de dados do governo americano durante a administração do presidente Barack Obama e questiona os critérios para defini-los. Segundo o texto, são 680 mil pessoas. Em ao menos 280 mil desses casos, não haveria nenhuma relação conhecida com redes terroristas, como a Al Qaeda.

Para embasar suas afirmações, o texto cita um documento secreto de 12 páginas, datado de agosto de 2013, quando Snowden já havia deixado os Estados Unidos para evitar enfrentar a Justiça. Assim, o documento não poderia ter sido "vazado" pelo antigo analista.

Além disso, Greenwald não cita Snowden como a fonte de suas informações, o que ele normalmente faz, e afirma que a fonte é alguém ligado aos serviços secretos.

O próprio Greenwald insinuou em entrevistas através da sua conta no Twitter que as revelações de Snowden "inspiraram" muitas pessoas com conhecimentos de informática a seguirem o mesmo caminho.

AS/lusa/afp/rtr

Leia mais