GOVERNO ALEMÃO ANUNCIA COMPRA DE CD COM DADOS SOBRE SONEGADORES | Escreva sua opinião, comentários, críticas ou sugestões | DW | 06.02.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Sua Opinião

GOVERNO ALEMÃO ANUNCIA COMPRA DE CD COM DADOS SOBRE SONEGADORES

Economia, política internacional, cinema e educação foram os temas comentados por nossos leitores esta semana. Vale a pena conferir!

default

Tá certo, sonegação de imposto é crime. Mas a compra deste CD também não é um ato ilegal? Um acordo bilateral de tributação entre os dois países seria o caminho mais correto.
Fábio Monteiro

Você apoia a compra de CD pelo governo alemão? Não, eu não apoio a compra. Deixar de declarar ao fisco da Alemanha não justifica comprar informações na Suíça. Um erro não justifica outro erro.
Nilton Avelino Boeri

Será a aplicação do "olho por olho e dente por dente". Se a compra das informações de criminosos é legalmente questionável, eu pergunto: e o depósito de dinheiro desviado do fisco, não o é? Isso é legal?
Mario Philippsen

Eu não entendo como é que pode o governo comprar informações adquiridas ilegalmente para combater sonegação de imposto. Um ato ilegal não justifica o objetivo. Entretanto, quando a questão é dinheiro, até o governo alemão fecha os olhos...
Ana Boaventura

USINA DE BELO MONTE REABRE DEBATE SOBRE POLÍTICA ENERG É TICA

O que precisa ficar claro é o significado da licença prévia (LP): o Ibama concorda com o empreendimento. É a mais importante e vital das três licenças, a saber: licença prévia (LP), licença de instalação (LI) e licença de operação (LO). Obtida a LP, as demais são questão de tempo. Certamente será difícil obter a licença de implantação, já que se exigiu 40 condicionantes. Mas serão, de qualquer forma, cumpridas, ou em partes ou totalmente. O que se tem que fazer é ficar de olho firme nesses tais condicionantes. Nesse sentido, a imprensa do mundo livre tem papel preponderante.
Sérgio Marx

UNIVERSIDADES ALEMÃS DEVEM FORMAR RELIGIOSOS ISLÂMICOS



Acredito que todas as escolas deveriam oferecer o ensino religioso com todas as opções existentes. Assim como são ensinadas línguas outras que não as oficiais de cada país, caberia ao estudante escolher qual a religião de sua preferência. A religião jamais deve ser imposta à criatura, seja por seus pais ou quem quer que seja, ela deve ser uma escolha livre, pois é ela que nos ajuda nas horas mais difíceis de nossa vida, e por isso mesmo precisa vir ao encontro do nosso modo de sentir a presença de Deus em nós. Parabenizo esta iniciativa sobre o islamismo nas escolas alemãs e gostaria de ver esta mesma atitude com relação a todas as outras religiões. Com certeza, no mundo todo também assim deveria acontecer.
Maria Aparecida Neubaner Luiz

Islamismo deve fazer parte da oferta de ensino religioso em escolas de países predominantemente cristãos? Não. Caso sim, todas as outras religiões terão que fazer parte do ensino. [...]
Diego Gomes

FILMES "MADE IN GERMANY" FAZEM SUCESSO FORA DO PAÍS



Já não era sem tempo. Depois de tanto "hollywoodismo", estamos de volta com um cinema forte, instigante, reflexivo, dinâmico e construtivo, como sempre foi o cinema alemão desde seus primórdios. Basta citar os grandes mestres como Murnau, Wiene, Fassbinder, Margarethe von Trotta, Herzog, Wenders, Schlöndorff... Podendo agora desfrutar desta "boa nova" pelo reconhecimento internacional. Parabéns ao Instituto Goethe e à German Films pela dedicação, pelo esforço, pela consideração e pelo trabalho bem feito. Viva o cinema alemão!
Francisco Waitz

Interesso-me pelo cinema culto em geral, e somente na Europa se pode fazer esse tipo de cinema, já que o cinema que prevalece é o ignorante e violento cinema norte-americano.
Ariovaldo L. Lucas

INTERESSES INTERNACIONAIS NO HAITI

A manutenção da governabilidade e da reconstrução do Haiti deve continuar sendo responsabilidade da ONU, pois o histórico de intervenção militar americana na região sempre levantará suspeitas, infundadas ou não. A colaboração e a interação do povo haitiano com a ONU serão mais fáceis sob a condução do Brasil, que tem historicamente os mesmos problemas sociais. [...]
Marco Aurélio Vianna

Acredito, como cidadão brasileiro, que os EUA estão enviando um número exagerado de soldados para o Haiti. Eles querem mostrar que têm um grande Exército e que estão de olho de novo na América Latina, algo que é muito ruim, pois, sempre que os EUA querem desenvolver políticas em relação ao sul, nós somos os mais prejudicados. E para comentar sobre o envio de ajuda humanitária por parte do Brasil, penso que é um exagero e que o Haiti é aqui. Por que o governo federal não se mobiliza dessa maneira para salvar dezenas de nordestinos que passam fome? As dezenas de desempregados em nossos bolsões de miséria sem fim. Quando a ajuda é demais, devemos desconfiar.
André Marques

Não importa se a ajuda para o Haiti vem do Brasil, dos EUA, da China ou de outro país. O importante é diminuir a pobreza no mundo e não só no Haiti, mas também em países como Somália, Sudão e Afeganistão, na Palestina etc. Pois o crescimento do mundo só será realidade quando diminuir esse abismo. [...]
Reinaldo da S. Brandão

CRISE REAQUECE INTERESSE POR OBRA DE KARL MARX

O comunismo foi e ainda é o sistema mais criminoso e assassino que a humanidade já conheceu. É só ver o livro que foi editado na França, O Livro Negro do Comunismo . O capitalismo tem pontos em comum com o comunismo, que são o monopólio e os cartéis. O comunismo prega o monopólio do Estado em todos os setores da economia, e as empresas monopolistas do capitalismo são comunistas também. Outro objetivo do comunismo é implantar de novo o antigo fracassado sistema da monarquia absolutista! [...]Quem apoia o comunismo é um idiota útil que promove gente corrupta e incapaz ou é corrupto também! É um infeliz que não tem visão do passado e constrói um futuro com garantia de fracasso econômico e social!
Cristiane Vallim


COMISSÃO QUER BANIR BURCA DE INSTITUIÇÕES PÚBLICAS NA FRANÇA

As burcas são verdadeiras barracas. A pessoa mora dentro de um abrigo móvel. Não é possível que alguém possa chamar isso de traje ou vestimenta. A janela é encoberta, mas aquilo não é uma barraca: é um traje, uma vestimenta. Neste caso, a França, berço do Iluminismo, vai ter que pôr luz dentro dessa carcaça de tartaruga, ou concha de molusco. A questão é simples: Temos ou não temos a manifestação plena do exercício dos direitos humanos na França? Aquela redinha diante dos olhos acaba com o fígado de qualquer um. Se fosse um cavalo, permitiríamos que fosse submetido à tortura de ter que enxergar por entre uns furinhos? Nem digo que a pessoa não more dentro da barraca e chame isso de vestimenta, mas o direito de enxergar. Alguém pode garantir que é por vontade própria que elas aceitam essa clausura? Então por que não protegê-las em solo democrático, proibindo-as de se torturarem em público? Tem que banir. Demorou. Lencinho, tudo bem. Barraca é autotortura. Concordo com alguém que falou sobre a segurança. Dá pra se esconder. Houve um tempo, em São Paulo, que alguns mendigos eram de fato, assaltantes dentro de um cobertor. Uma burca pode produzir o mesmo efeito, sem dúvida. O consentimento público a um gesto de flagelação é pior do que tudo. Essa é a tônica, o sofrimento. Tem alguém lutando pelo uso da burca?
Silvia Calçada

Leia mais