1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Franziska van Almsick bate recorde mundial em revezamento 4x100

A nadadora Franziska van Almsick comandou a equipe alemã que quebrou nesta segunda-feira (29) o recorde mundial de revezamento 4x100 estilo livre no Campeonato Europeu de Natação, em Berlim.

default

Franziska von Almsick sacramentou o recorde mundial, como última do quarteto a nadar

"Este será o meu campeonato", prometeu a milionária nadadora de 24 anos, que em dez anos de carreira tornou-se um verdadeiro ícone do esporte e da mídia alemã.

Na sua primeira aparição no torneio, Franziska cumpriu a primeira etapa de sua promessa, concluindo os 4x100 m em 3min36s00, novo recorde mundial da prova. O recorde anterior pertencia aos Estados Unidos (3min36s61). Ao lado de Franzi, Kathrin Meissner, Petra Dallmann e Sandra Voelker formaram o vitorioso quarteto alemão.

Em 1992, com apenas 14 anos, Franziska van Almsick foi revelada nos Jogos Olímpicos de Barcelona. Derrotada nos Jogos de Atlanta (1996) pelas nadadoras chinesas e vítima de um grave acidente de motocicleta em 1997, ela fracassou completamente em Sydney (2000). Terminou em 11º lugar os 200 m livres, distância em que havia batido o recorde mundial (1min56s78) e conquistado o título mundial, em 1994.

Ausente das piscinas em 2001, ela voltou a impressionar no campeonato alemão, no final de maio, ganhando os 100 m livres, 100 m borboleta e sobretudo os 200 m livres. Esta série de bons resultados foi suficiente para que, nos últimos dois meses, Franziska van Almsick voltasse a ser badalada pela mídia, criando-se uma imensa expectativa sobre o seu desempenho no Campeonato Europeu, em Berlim.

Além de tudo, Berlim é a terra natal de Franziska. Detentora de 13 títulos europeus, ela quer lograr pelo menos mais um feito individual na sua cidade e diante do seu público.

Mas Franziska não se deixa impressionar com tanta badalação: "Pela primeira vez, estarei nadando para mim mesmo. Antes, nadava demais para os outros e acabei batendo com a cabeça na parede", disse ela.

Tão eficientes quanto o quarteto feminino foi o masculino. Seguindo o exemplo, Lars Conrad, Stefan Herbst, Torsten Spanneberg e Stefan Kunzelmann conquistaram igualmente a medalha de ouro no revezamento 4x100 m livres.