1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

"Forbes": Bill Gates segue o mais rico do mundo

Com fortuna de 86 bilhões de dólares, cofundador da Microsoft lidera pelo quarto ano consecutivo o ranking, que tem tem oito americanos no top 10. Brasileiro mais rico ocupa a 22ª posição.

O empresário Bill Gates, cofundador da Microsoft, segue no topo da lista da revista Forbes dos bilionários mais ricos do mundo, anunciou a publicação nesta segunda-feira (20/03). Gates, cuja riqueza é estimada em 86 bilhões de dólares, encabeça o ranking pelo quarto ano consecutivo. Em contrapartida, o presidente dos EUA, Donald Trump, caiu mais de 200 posições.

Entre as dez personalidades mais ricas do mundo, oito são americanas. As exceções são o espanhol Amancio Ortega (4º), com uma fortuna estimada de 71,3 bilhões de dólares, e o mexicano Carlos Slim Helu (6º), com patrimônio de 54,5 bilhões de dólares.

Completam o Top 10 o investidor Warren Buffet (75,6 bilhões); o chefe do Amazon.com Jeff Bezos (72,8 bilhões); o cofundador do Facebook Mark Zuckerberg (56 bilhões); o cofundador da Oracle Larry Ellison (52,2 bilhões); o presidente, Charles Koch (48,3 bilhões), e o acionista majoritário das Indústrias Koch, David Koch (48,3 bilhões); e o magnata Michael Bloomberg (47,5 bilhões).

Donald Trump, o primeiro bilionário eleito presidente dos EUA, despencou 220 posições e ocupa a 544ª colocação no ranking de 2017 da revista Forbes. Após trocar os negócios na Trump Tower pela carreira política na Casa Branca, a fortuna de Trump se limita aos 3,5 bilhões de dólares.

A Forbes atribuiu a queda de Trump à morosidade no mercado imobiliário de Manhattan, que é responsável por uma quantidade considerável de sua riqueza. "Quarenta por cento da fortuna de Donald Trump estão ligados ao Trump Tower e outros oito edifícios próximos", escreve a Forbes. "Ultimamente, o bairro tem enfrentado dificuldades."    

O título de mulher mais rica do mundo ficou com a francesa Liliane Bettencourt, principal acionista física do grupo de cosméticos L'Oréal. Aos 94 anos de idade, Bettencourt ocupa a 14ª posição no ranking mundial e tem uma fortuna avaliada em 39,5 bilhões de dólares.

O brasileiro mais rico do mundo é investidor Jorge Paulo Lemann, com uma fortuna estimada em 29,2 bilhões, que ocupa a 22ª posição na lista da Forbes. Em segundo lugar no ranking nacional está o banqueiro Joseph Safra (37º no mundo), com um patrimônio avaliado em 20,5 bilhões de dólares, seguido por Marcel Herrmann Telles (73º do mundo), um dos acionistas majoritários da Anheuser-Busch InBev, com 14,8 bilhões de dólares.

A revista informou que a lista deste ano, em sua 31ª edição, inclui 2.043 pessoas com uma fortuna superior a 1 bilhão de dólares, 233 a mais que na lista do ano anterior. Por regiões, Ásia-Pacífico é a que mais tem representantes (720), seguida por Estados Unidos (565) e Europa (530). Por países, os Estados Unidos (565 bilionários) são o primeiro, e a China (319), o segundo.

PV/efe/afp/ots

 

Leia mais