1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Força-tarefa vai combater violência e racismo no futebol

A DFB e a DFL decidiram criar uma força-tarefa conjunta para combater a violência e o racismo nos estádios alemães. Os nomes dos membros da comissão serão divulgados nos próximos dias.

default

No final de semana anterior ao encontro de cúpula, torcedores voltaram a criar tumultos

A reunião dos presidentes da Federação Alemã de Futebol (DFB), Theo Zwanziger, e da Liga Alemã de Futebol (DFL), Werner Hackmann, nesta terça-feira (31/10) em Frankfurt, já começa a dar resultados. No encontro de cúpula, ficou definida a criação de uma força-tarefa conjunta contra a violência, o racismo e a xenofobia no futebol alemão.

O objetivo da força-tarefa será elaborar um documento detalhado sobre a atual situação nas federações estaduais e nos clubes, bem como propor medidas de curto e longo prazo para combater a violência, o racismo e a xenofobia nos estádios. Os nomes das pessoas que farão parte da comissão serão anunciados nos próximos dias.

"Queremos um futebol no qual a violência e o racismo não tenham lugar. As crianças e seus pais não devem temer serem envolvidas em tumultos com idiotas nos estádios de futebol", disse Zwanziger.

Ele se referiu especialmente às ligas amadoras. "Das ligas regionais para baixo, a violência sempre se repete. Contra isso precisamos reagir", afirmou o presidente da DFB, ameaçando punir os clubes envolvidos com a perda de pontos. De acordo com Zwanziger, é evidente que os casos de violência se concentram nas ligas regionais e demais ligas inferiores.

Um dos clubes na mira da DFB e da DFL é o Dynamo Dresden, que participa da Liga Regional Norte. "Lá existe uma estrutura de torcedores com elevado potencial de violência", avaliou Zwanziger.

A decisão é uma resposta aos episódios de violência registrados nos estádios no final de semana anterior à reunião. Os tumultos envolveram times da Segunda Divisão da Bundesliga, da Liga Regional Norte e da Oberliga (campeonato estadual) de Baden-Württemberg. Cerca de 20 policiais ficaram feridos no confronto com torcedores e mais de 40 pessoas acabaram na delegacia.

Leia mais