1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

"Foi a melhor partida da minha vida", diz goleiro mexicano

Atualmente sem clube, Guillermo Ochoa só foi confirmado como titular às vésperas da Copa e tinha a rejeição da maioria dos mexicanos. Agora, ele é chamado de herói em seu país e foi eleito melhor em campo pela Fifa.

Principal responsável por

garantir o zero no placar

nesta terça-feira (17/06), contra o Brasil, o goleiro Guillermo Ochoa disse que a partida foi a melhor de sua vida. Atualmente sem clube e até poucas semanas antes da Copa reserva na seleção mexicana, ele foi eleito pela Fifa o melhor em campo no Castelão.

"Sem dúvida foi a melhor partida de minha vida", disse o goleiro de 28 anos. "Conseguir isso em uma Copa do Mundo, contra o anfitrião, não é fácil."

Ochoa fez quatro defesas difíceis na partida. A mais complicada delas, segundo ele mesmo, foi a cabeçada de Neymar no primeiro tempo, que levou muitos a lembrarem o goleiro inglês Gordon Banks, famoso por parar Pelé na Copa de 1970 num lance similar.

"A cabeçada foi a mais complicada, um tiro seco, rente à trave, que quase passou por mim", afirmou.

A escalação de Ochoa como titular no início da Copa foi uma surpresa. Quando o técnico Miguel Herrera anunciou a decisão, uma pesquisa feita pela imprensa local mostrou que cerca de 80% dos mexicanos prefeririam ver Jesús Corona na meta.

Ochoa foi para a Copa do Mundo sem clube. Seu antigo time, o Ajaccio, foi rebaixado à segunda divisão do Campeonato Francês, com 71 gols sofridos em 38 partidas. Agora, o goleiro está sendo chamado de "herói" pelos jornais de seu país, como o El Universal, virou hit nas redes sociais e ganhou elogios também dos rivais.

"A gente já esperava essa dificuldade, porque na Copa das Confederações no ano passado o jogo contra eles foi muito duro. Hoje foi muito duro, temos que dar parabéns para o goleiro, que fez, no mínimo, quatro milagres", disse o atacante Fred logo após o apito final.

Os mexicanos voltam a campo na próxima segunda-feira, para enfrentar a Croácia no Recife. No mesmo dia, a seleção brasileira enfrenta Camarões em Brasília.

Leia mais