1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Filme romeno leva Prêmio Europeu do Cinema

Premiação do "Oscar europeu" vai para filme romeno de Christian Mungiu, vencedor do último festival de Cannes.

default

Cristian Mungiu: melhor filme e melhor direção

Quatro meses, três semanas e dois dias, do diretor romeno Christian Mungiu, foi o vencedor da 20ª edição do Prêmio Europeu do Cinema nas categorias melhor filme e melhor direção. A cerimônia de entrega do prêmio aconteceu na noite do último sábado (01/12), em Berlim, quando foram premiados longas e curta-metragens (ficção e documentários) em 17 categorias.

O filme de Mungiu, cujo título se refere ao período de gravidez de uma jovem que pretende fazer um aborto, foi também o vencedor da Palma de Ouro no último festival de Cannes. Como todas as grandes premiações da indústria cinematográfica, o Prêmio Europeu também possui sua conotação política: ou seja, a escolha de um filme de algum país do Leste Europeu (a Romênia foi um dos últimos a ingressarem na União Européia) já era previsível.

Akin e Tykwer

Deutschland Europäischer Filmpreis Fatih Akin

Fatih Akin: melhor roteiro

O diretor alemão de origem turca, Fatih Akin ( Contra a Parede) recebeu o prêmio de melhor roteiro por seu Auf der anderen Seite (Do outro lado), que também já havia sido premiado na mesma categoria em Cannes.

Ao receber a estatueta, Akin ressaltou ser "um filho do cinema europeu". O Perfume, de Tom Tykwer, deixou a cerimônia com duas premiações: melhor fotografia para Frank Griebe e premiação especial para a cenografia de Uli Hanisch.

Homenagem a Godard

O cineasta francês Jean-Luc Godard (que não compareceu à cerimônia) e o fotógrafo alemão Michael Ballhaus receberam prêmios especiais em Berlim: o primeiro pelo conjunto de sua obra, o segundo por sua contribuição ao cinema. A premiação do "Oscar europeu" é feita pela Academia Européia de Cinema, presidida pelo cineasta alemão Wim Wenders. (sv)

Leia mais