1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Fifa divulga árbitros para as quartas-de-final

Eslovaco apita confronto entre Alemanha e Argentina, e espanhol que comandou o confuso duelo entre Itália e Austrália, nas oitavas, estará no jogo do Brasil.

default

Cantalejo apita Brasil x França

A Fifa anunciou nesta quarta-feira (28/6) os trios de arbitragem que apitarão as partidas das quartas-de-final da Copa do Mundo a partir desta sexta-feira, em Berlim, com o confronto entre Alemanha e Argentina.

O brasileiro Carlos Eugênio Simon e seus auxiliares, Ednilson Corona e Aristeu Tavaeres, estão entre os dispensados.

O eslovaco Lubos Michel será o responsável pelo confronto entre a anfitriã e os sul-americanos. Frank De Bleeckere, da Bélgica, apitará a outra partida do dia, entre Itália e Ucrânia, em Hamburgo.

No sábado (30/6), o argentino Horacio Elizondo apita o duelo entre Inglaterra e Portugal, em Gelsenkirchen, e o espanhol Luis Medina Cantalejo comanda o jogo do Brasil contra a França, em Frankfurt.

Foi ele quem apitou a partida de oitavas-de-final entre Itália e Austrália dando um pênalti inexistente aos italianos nos últimos dez segundos de jogo, quando o ala Grosso caiu dentro da área após um carrinho de um adversário. Os italianos acabaram vencendo por 1 a 0 e se classificando.

O inglês Graham Poll e o russo Valentin Ivanov, que se envolveram em polêmicas durante a Copa, foram vetados para o restante do torneio pela comissão de arbitragem da entidade.

O primeiro foi pivô de uma confusa partida entre Croácia e Austrália, na primeira fase, em que mostrou três vezes o cartão amarelo para um único jogador.

O segundo expulsou quatro atletas da partida entre Portugal e Holanda, pelas oitavas, estabelecendo um novo recorde em Copas e recebendo de Joseph Blatter, presidente da Fifa, o advertência de que "deveria ter mostrado um cartão para si mesmo".