1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Feira da Agricultura termina com menos visitantes e boa avaliação

Mais de 450 mil pessoas visitaram a Feira Internacional da Agricultura, na capital alemã, também chamada de Semana Verde.

default

Fim da Semana Verde em Berlim

Terminou em Berlim a 67ª Feira Internacional da Agricultura. Nos dez dias de sua duração, a enorme mostra de produtos agropecuários atraiu cerca de 451.600 visitantes, 29.500 a menos do que em 2001.

Neste domingo, mais 35.500 pessoas percorreram os 26 pavilhões da mostra gigante de iguarias que, naturalmente, podiam ser provadas e adquiridas. Os visitantes compraram produtos no valor de 73 milhões de euros, o que corresponde a um gasto per capita de 164 euros. A próxima Semana Verde ( Grüne Woche), esse o nome oficial do evento, acontecerá de 17 a 26 de janeiro de 2003.

Expositores satisfeitos - Apesar da menor afluência de público, os expositores avaliaram de forma positiva a feira, que costuma ser um excelente mercado para testar novos produtos. Dois terços dos 1.614 expositores de 56 países ficaram satisfeitos com a sua participação. Mais de 50% esperam concluir bons negócios graças aos contatos estabelecidos durante a Grüne Woche.

Cultivo biológico X agricultura tradicional - A ministra alemã da Defesa do Consumidor e da Agricultura, Renate Künast (Partido Verde), ressaltou que a feira tem agora uma nova feição e que atrai o consumidor de uma nova maneira. Os produtos de cultivo biológico deixaram de ser um assunto marginal na Alemanha. Agora eles teriam "chegado bem no meio da sociedade", segundo a ministra.

Para a Federação Alemã dos Agricultores, a Semana Verde foi novamente uma excelente plataforma para o diálogo entre consumidores e produtores. Assim, teria aumentado em 40% o número de pessoas que visitaram a fazenda-modelo, especialmente montada na feira. A nova política agrária do Partido Verde beneficia a criação em unidades menores e o cultivo biológico, o que desagrada a federação. Para seu presidente, Gerd Sonnleitner, a discussão do tema não reflete a realidade de um país que tem de produzir muito para atender à grande demanda, e é travada de forma ideológica.

Críticas - A empresa Messe Berlin, organizadora desta e outras feiras, teve que ouvir várias críticas por haver adiantado em uma semana a realização da Semana Verde. Esse fato, e o frio que fez no primeiro fim de semana da mostra, seriam responsáveis pela queda do número de visitantes. A empresa mudou a data por incluir outros eventos em sua programação.