1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Federação alemã escolhe Hamburgo para sediar Olimpíadas

Decisão ainda precisa de aprovação da população. Cidade no norte da Alemanha, segunda maior do país, concorria com Berlim. Se indicada, Hamburgo terá que vencer candidatas fortes como Boston, Roma e provavelmente Paris.

Por unanimidade, a Federação Alemã de Esportes Olímpicos (DOSB) escolheu neste sábado (21/03) Hamburgo como candidata do país à sede das Olimpíadas de 2024. A cidade no norte, segunda maior da Alemanha, concorria com a capital, Berlim.

Em assembleia extraordinária realizada em Frankfurt, os 410 membros da federação aprovaram Hamburgo para concorrer como cidade sede do evento esportivo. Na segunda-feira, a DOSB já havia indicado a cidade portuária como candidata, entretanto, a escolha definitiva dependia da votação dos integrantes da organização.

Agora, a decisão final sobre a candidatura de Hamburgo está nas mãos de sua população: em referendo marcado para setembro, os hamburgueses votarão se querem receber os Jogos Olímpicos dentro de nove anos.

Embora a vitória só possa ser comemorada após o referendo, tudo indica que obter a aprovação da maioria não será um obstáculo. De acordo com a última pesquisa de opinião realizada na cidade, 64% de seus habitantes são a favor de sediar as Olimpíadas. Em 2013, a população da Baviera rejeitou nas urnas a candidatura de Munique para sediar as Olimpíadas de Inverno de 2022.

As cidades têm até 15 de setembro para apresentar sua candidatura ao Comitê Olímpico Internacional (COI). Entre as principais concorrentes de Hamburgo, caso confirmada, estarão Boston e Roma, cujas candidaturas já estão definidas. Paris também cogita se candidatar, e possivelmente Budapeste, Istambul e Doha, entre outras, entrarão na disputa.

"Não há necessidade de temer de Boston, Roma ou Paris. Como eu disse hoje, deixe elas sentirem medo de Hamburgo. Quem quiser vencer a Alemanha terá que oferecer muito", disse o ministro alemão do Interior, Thomas de Maizière.

O nome da cidade que vai sediar os jogos olímpicos de 2024 só será anunciado oficialmente em meados de 2017.

CN/dpa/afp

Leia mais