1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Extrema direita inflama debate político

Após partido de extrema direita NPD convocar diversas manifestações para o jubileu do fim da Segunda Guerra, debate se acirra. Político cristão causa indignação por atribuir prestígio da extrema direita ao desemprego.

default

Schröder e Stoiber: mais uma guerra de acusações

O presidente da União Social-Cristã (CSU) desencadeou um inflamado debate político, ao responsabilizar o chanceler federal Gerhard Schröder pela crescente projeção pública do Partido Nacional-Democrático da Alemanha (NPD), de extrema direita. "O fracasso econômico do governo Schröder, ou seja, a dimensão do desemprego, cria um solo fértil para extremistas", disse Stoiber.

"Culpa da política de Schröder"

O governo federal, o Partido Social-Democrata (SPD) e os Verdes advertiram o político cristão bávaro a não abandonar a luta conjunta contra o extremismo de direita. A União Democrata Cristã (CDU) interferiu no debate com tons mais amenos. O presidente Horst Köhler apelou à sociedade por uma atitude mais ativa no combate ao radicalismo de direita.

O desemprego em massa na Alemanha "é a principal causa do fortalecimento do NPD", declarou o governador da Baviera ao jornal Welt am Sonntag. "Quem quiser tirar o NPD das câmaras estaduais tem que eliminar o desemprego na Alemanha." Stoiber acrescentou que o país estaria em condições "como nunca mais esteve desde 1932". O secretário-geral da CSU, Markus Söder, declarou que a "culpa do crescimento do NPD é a política preguiçosa de Schröder."

"Grave deslize político"

O presidente do SPD, Franz Münterfering, acusou Stoiber de ir ao encontro dos interesses do NPD. "Um conflito entre nós viria a calhar para os nazistas", declarou Münterfering ao jornal Bild am Sonntag. Stoiber estaria se tornando cúmplice, ao instrumentalizar os neonazistas contra o SPD. Para o vice-líder da bancada social-democrata no Parlamento, Ludwig Stiegler, "quem – depois do nazismo – ainda estiver procurando um motivo convincente para retorno desta praga é mais um eterno idiota de ontem".

Claudia Roth, membro da presidência do Partido Verde acusou Stoiber de cometer "um grave deslize político". O porta-voz de governo Bela Anda declarou que o político bávaro estaria apelando para o mais baixo nível.

Desemprego gera racismo?

O vice-presidente do Partido Liberal (FDP), Rainer Brüderle, acusou o político social-cristão de desviar do tema. "Eu preferia que Stoiber não tivesse feito essas acusações contra o chanceler federal", declarou ele ao Handelsblatt.

Münterfering reiterou que os desempregados não estariam fortalecendo os nazistas, mas sim toda gente de terno e gravata com muito dinheiro". O parlamentar verde Volker Beck lembrou que "protesto e insatisfação não precisam se manifestar obrigatoriamente em racismo e reacionarismo".

A presidente da CDU, Angela Merkel, culpou Schröder pelo alto índice de desemprego. "E o desespero e a falta de perspectiva naturalmente levam as pessoas a buscar saídas em outros âmbitos", declarou ela à emissora N24. O secretário-geral da CDU, Volker Kauder, disse ao Leipziger Volkszeitung, que o combate ao desemprego seria o melhor instrumento contra o extremismo político.

Proibição do NPD em debate

De acordo com informações do diário berlinense Tagesspiegel, Merkel se mostrou aberta a um ato público com a participação de todas as facções políticas, no dia 8 de Maio, em Berlim. Schröder havia convocado as pessoas decentes a reagir contra a passeata convocada pelos extremistas de direita no Portão de Brandemburgo, no dia de celebração dos 60 anos do fim da guerra.

O presidente alemão, Horst Köhler, disse que não adiantaria reagir "com pânico" ao NPD, mas somente com "ações bem pensadas". Em entrevista à emissora DeutschlandRadio, ele declarou que o anti-semitismo estaria adquirindo novas facetas na Alemanha. Diversos governadores social-democratas se mostraram abertos a um novo processo de proibição do NPD, contanto que desta vez tudo seja bem preparado.

Leia mais