1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Explosões matam mais de 40 na China

Fogo atinge área industrial de Tianjin, uma das maiores cidades do país, e deixa 44 mortos e mais de 500 feridos. Impacto é sentido a quilômetros de distância, quebrando janelas e derrubando portas.

Uma série de explosões de grande proporção numa área industrial da cidade portuária de Tianjin, no norte da China, deixaram ao menos 44 mortos e mais de 500 feridos na noite desta quarta-feira (12/08), disseram a mídia e autoridades chinesas.

A emissora CCTV noticiou que mais de 500 pessoas foram internadas em hospitais da cidade, 32 delas em estado grave. As explosões derrubaram portas na área e quebraram janelas a quilômetros de distância.

Segundo a polícia em Tianjin, uma primeira explosão ocorreu no fim da noite de quarta-feira em contêineres num armazém para materiais perigosos, de propriedade de uma empresa de logística.

A Agência Nacional de Terremotos noticiou a ocorrência de duas explosões pouco antes da meia-noite. A magnitude da primeira seria equivalente a detonar três toneladas de TNT, e a da segunda, a 21 toneladas do explosivo.

China Tianjin Explosion Gefahrgutlager

Fotos que circulam na internet mostram bola de fogo no céu

Segundo a agência de notícias estatal Xinhua, uma primeira explosão liberou bolas de fogo, que provocaram uma onda de explosões na área. Fotos que circulam na internet mostram uma gigantesca bola de fogo no céu, com uma nuvem de fumaça em forma de cogumelo.

"A bola de fogo era enorme, talvez com 100 metros de altura", disse o jovem Huang Shiting, cuja casa fica próxima à area portuária onde as explosões aconteceram.

De acordo com a Xinhua, dois bombeiros enviados ao local desapareceram enquanto dez equipes de emergência e 35 caminhões lutavam contra o fogo.

Num bairro de Tianjin, localizado a cerca de 10 quilômetros do local das explosões, alguns moradores dormiam nas ruas, usando máscaras de gás, apesar de não haver nenhum problema perceptível no ar além das nuvens de fumaça vistas no horizonte.

Tianjin, a 140 quilômetros da capital, é uma das maiores cidades do país, com cerca de 15 milhões de habitantes.

LPF/ap/rtr/afp

Leia mais