1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Explosão em mina de carvão na Ucrânia pode ter matado mais de 30

Acidente aconteceu no início da manhã, a mais de mil metros de profundidade, numa mina que fica na cidade de Donetsk, controlada pelos rebeldes separatistas pró-Rússia.

Uma explosão numa mina de carvão na cidade de Donetsk, no leste da Ucrânia, pode ter causado a morte de ao menos 33 pessoas nesta quarta-feira (04/03), segundo autoridades locais citadas pela agência de notícias russa Interfax. Outras 16 pessoas ficaram feridas.

Segundo uma representante do serviço de resgate, operado pelos rebeldes, até o início da noite 24 corpos haviam sido localizados na mina. Já a Interfax afirma que 33 pessoas morreram, citando o serviço de imprensa das autoridades de administração da região.

A explosão aconteceu por volta das 5h20 (horário local), a mais de mil metros de profundidade, na mina Zasyadko, uma das maiores da região. Segundo os responsáveis pela mina, a explosão foi causada por gás e não pelos conflitos na região, que é dominada por rebeldes separatistas pró-Rússia.

Mas o governo em Kiev sugeriu que a guerra no local contribuiu para piorar a tragédia, acusando os separatistas de dificultar o resgate ao impedir o acesso ao local do acidente.

No passado, várias explosões atingiram as inseguras minas do leste ucraniano, deixando muitos mortos. O carvão é explorado em grandes profundidades, e ali se acumula um gás altamente inflamável. Somente em Zasyadko, mais de 200 pessoas morreram em acidentes na mina desde 1999. A mina produziu 1,4 milhão de toneladas de carvão em 2013.

O leste da Ucrânia é palco há meses de um conflito entre separatistas pró-Rússia e tropas do governo ucraniano. Um acordo de cessar-fogo está em vigor desde meados de fevereiro, mas a trégua tem se mostrado frágil.

Donestk, assim como a cidade de Lugansk, fica na região de Donbas, importante centro carvoeiro da Ucrânia.

CA/AS/rtr/dpa/ap

Leia mais