1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Ex-gerente do Schalke é multado por falsificação de balanço

O ex-gerente do Schalke, Rudi Assauer, e o diretor-executivo do clube, Peter Peters, terão de pagar um total de 60 mil euros para se livrar da acusação de falsificação de balanço envolvendo a venda do antigo estádio Parkstadion.

Assauer, que renunciou ao cargo em maio deste ano, recebeu uma multa de 35 mil euros; Peters terá de pagar 25 mil. "Se os acusados acatarem a decisão, o processo será arquivado", informou a Promotoria Pública de Essen, nesta quinta-feira (28/12). Os dois dirigentes haviam contabilizado a tribuna de honra do antigo estádio do Schalke com o valor de 6,6 milhões de euros quando a edificação já estava sendo demolida.

A Promotoria de Essen também investigou suspeitas de sonegação de impostos e uma outra falsificação de balanço no Schalke. O terreno do antigo estádio, avaliado em um milhão de euros, fora vendido em 2003 pela cidade de Gelsenkirchen pelo valor simbólico de um euro ao Schalke, mas mais tarde apareceu no balanço do clube com o valor de 15,6 milhões de euros. A prefeitura e a direção do clube rebateram as acusações de irregularidades e, de acordo com a promotoria, esta parte do processo já foi arquivada. (gh)