1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Europa começa a testar os celulares UMTS

Dois meses após a estréia mundial do serviço no Japão, começou na Europa a fase de testes do Sistema Universal de Telecomunicações Móveis (UMTS – Universal Mobile Telecommunications System).

default

UMTS promete telefonia celular de alta velocidade

A tecnologia UMTS é capaz de permitir a troca de informações em banda larga, à velocidade de 2Mbit por segundo – ou seja, com rapidez ainda maior que as linhas fixas de ISDN. Além de voz e dados, o UMTS permite a recepção e transmissão de arquivos de áudio e de vídeo. Os dois projetos experimentais, tanto na ilha de Man como no principado de Mônaco, ainda são restritos a poucos usuários.

"Temos por enquanto uma dezena de clientes em teste. Teremos cerca de 50 no final do primeiro trimestre de 2002 e também empresas em meados do mesmo ano", afirmou Antoine Véran, diretor geral da Monaco Telecom, à agência portuguesa de notícias Lusa.

Parceria com a Siemens e a NEC

A rede local de UMTS nasceu de uma parceria da Monaco Telecom com o conglomerado alemão Siemens, responsável pela infra-estrutura, e com a empresa japonesa NEC, fornecedora dos terminais.

A superfície reduzida do principado facilitou a tarefa à Siemens, que teve de instalar apenas sete estações de base, para cobrir assim 85% do território monegasco. O lançamento do projeto de Mônaco, inicialmente previsto para meados de 2001, sofreu atraso em decorrência da dificuldade da NEC em entregar os terminais na data prevista.

Os telefones celulares utilizados pelos participantes do teste de UMTS permitem inicialmente apenas as chamadas telefônicas normais, bem como a conexão aos micros ou PDAs, através de modem. Ainda não é possível o acesso direto a arquivos de vídeo ou de áudio, um dos principais atrativos da nova norma. Mas também a velocidade de acesso à internet ainda não atinge os prometidos 2Mbits por segundo, estando restrita, no momento, a 384 Kbits por segundo. De qualquer maneira, esta velocidade é quatro vezes maior do que permite o atual sistema europeu de telefonia celular GSM.

Leia mais

Links externos